Mundo

Brasil reduz impostos para estimular economia

O Governo brasileiro lançou, esta quarta-feira, novas medidas para estimular o crescimento económico do país, com a diminuição das taxas do comércio a retalho e de tributos dos Estados.
Versão para impressão

O Governo brasileiro lançou, esta quarta-feira, novas medidas para estimular o crescimento económico do país, com a diminuição das taxas do comércio a retalho e de tributos dos Estados.

O ministro da Fazenda (equivalente ao ministro da economia em Portugal), Guido Mantega, anunciou que, a partir de 2013, o setor varejista (comércio a retalho) deixará de pagar 20% de contribuição patronal, para recolher entre 1% e 2% da faturação.

Com a medida, que tem a intenção de criar empregos e de gerar descontos diretos aos consumidores, o Governo irá deixar de arrecadar 1,3 mil milhões de reais (474 milhões de euros), em impostos, no ano que vem, e 2,1 mil milhões de reais (766 milhões de euros) em 2014.

Antes do comércio varejista, 41 segmentos da economia brasileira já tinham sofrido um corte permanente nos impostos.

Já a redução temporária do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), que terminaria este mês, foi prorrogada até meados de 2013 para móveis, veículos e eletrodomésticos.

O ministro brasileiro da Fazenda disse aos jornalistas que vai reduzir 40 mil milhões de reais (14 mil milhões de euros) em impostos em 2013, para alavancar a economia do país.

O Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro cresceu apenas 0,6% no terceiro trimestre do ano, apesar das diversas medidas governamentais realizadas este ano, o que gerou diversas críticas ao ministro da Fazenda.

Clique AQUI para consultar o site do Ministério onde foram publicadas estas medidas.

Comentários

comentários

Etiquetas

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Mais recentes

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close