Cultura

Brasil: Filme financiado com rifas chega a Cannes

A curta-metragem "Command Action", produzida em São Paulo (Brasil), conseguiu realizar-se com dinheiro recolhido pela venda de rifas. Apesar desta fonte de financiamento improvável, a película foi selecionada para ser exibida em Cannes.
Versão para impressão
A curta-metragem “Command Action”, produzida em São Paulo (Brasil), conseguiu parte do seu financiamento através da venda de rifas. Apesar desta fonte de receitas improvável, a película foi selecionada para ser exibida na Semana da Crítica em Cannes, entre 14 e 22 de Maio.

Dirigida por João Paulo Miranda e produzida pelo coletivo Kino-Olho, a curta-metragem brasileira vai ser exibida na Semana da Crítica daquele festival Internacional, que consiste numa exibição paralela dedicada aos primeiros e segundos filmes de cineastas de todo o Mundo.

A trama tem uma duração de 14 minutos, onde a ação principal se passa num mercado de rua num bairro periférico chamado Cervezão, no interior de São Paulo. A história gira em torno de um rapaz que um dia sai de casa para ir comprar legumes para a família e no caminho encontra um robô chamado Command Action, um brinquedo feito no Paraguai.

O ator principal é David Martins, um estudante de 14 anos, morador de Rio Claro (local onde se passa o filme). Para escolherem o protagonista do filme, a equipa decidiu fazer uma seleção entre os vários alunos da rede municipal, isto é, entre os habitantes e residentes da zona onde foi gravado o filme.

A ideia era integrar os próprios moradores na produção, de forma a que estes trouxessem espontaneidade à história. “Fizemos uma seleção, e o engraçado é que ele (David Martins) tinha vários problemas na escola, várias advertências. Nós exigimos bastante dele e a verdade é que o estímulo funcionou”, refere João Paulo Miranda Maria, diretor de “Command Action”, citado pelo site brasileiro UOL.

A Câmara Municipal de Rio Claro apoiou financeiramente este projeto, no entanto, o dinheiro não foi suficiente para terminá-lo. Os criadores referem que tiveram dificuldades na execução do filme e que só conseguiram terminá-lo vendendo rifas pela cidade. No total, a equipa conseguiu recolher cerca de 500 euros e foi só através deste montante que se conseguiu concretizar o projeto.

“Command Action”, cuja estreia mundial será em Cannes, competirá com outros nove filmes de curta ou média metragens de países como a Suécia, França, Indonésia, Estados Unidos, Romênia e Itália, selecionados de uma lista de 1.750 títulos.

O evento ocorrerá entre os dias 13 e 24 de Maio, num ano que celebra a sua 68.ª edição. Portugal também estará representado com a curta-metragem “Provas, Exorcismos” de Susana Nobre. Para além disso, a produção nacional “As Mil e uma Noites” de Miguel Gomes, também será exibida numa secção pararela do festival, denominada Quinzena dos Realizadores.

Notícia sugerida por Maria da Luz

Comentários

comentários

Etiquetas

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close