Ambiente

Brasil: Água dos rios ajuda a produzir embalagens

Investigadores da Universidade do Amazonas, no Brasil, estão a estudar a possibilidade de aproveitar as bactérias da bacia hidrográfica do rio Amazonas para a produção de embalagens biodegradáveis, com o intuito de reduzir o uso de plásticos derivado
Versão para impressão
Investigadores da Universidade do Amazonas, no Brasil, estão a estudar a possibilidade de aproveitar as bactérias da bacia hidrográfica do rio Amazonas para a produção de embalagens biodegradáveis, com o intuito de reduzir o uso de plásticos derivados do petróleo.

De acordo com a Agência Amazónia, a investigação centra-se no potencial das bactérias aquáticas para a produção de algumas substâncias, entre as quais os antimicrobianos e os biopolímeros, cuja aplicação se estende da agricultura à indústria farmacêutica e médica.

O coordenador do projeto, Aldo Procópio, especialista em Biotecnologia, explica que algumas bactérias isoladas já estão em fase de crescimento.

Os biopolímeros são materiais classificados estruturalmente como polissacarídeos, poliésteres e poliamidas. São produzidos a partir de uma fonte de carbono renovável, geralmente um carbohidrato derivado de cana-de-açúcar, milho, batata, trigo e beterraba, ou um óleo vegetal de soja, girassol ou palma.

Assim, além do estudo da “diversidade da comunidade bacteriana dos rios Negro, Solimões e Madeira, a sua variabilidade genética e o seu potencial biotecnológico”, esta investigação visa o desenvolvimento sustentável da Amazónia, refere Aldo Procópio, citado pela agência de notícias brasileira.

[Notícia sugerida pelo utilizador Vítor Fernandes]

Comentários

comentários

Etiquetas

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close