Cultura

Biblioteca acessível a deficientes abre em Sabrosa

Esta terça feira, o município de Sabrosa, no distrito de Vila Real, inaugurou uma biblioteca de sentidos e de estímulos para pessoas com deficiência mental. Trata-se de um projeto pioneiro na Europa, aprovado pela Fundação Calouste Gulbenkian.
Versão para impressão
Esta terça feira, o município de Sabrosa, no distrito de Vila Real, inaugurou uma biblioteca de sentidos e de estímulos para pessoas com deficiência mental. Trata-se de um projeto pioneiro na Europa, aprovado pela Fundação Calouste Gulbenkian.

A iniciativa é da Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental (APPACDM) de Sabrosa. “Este projeto nasceu de um trabalho que tem vindo a ser feito na instituição por um grupo de docentes e técnicos, há cerca de 5 anos”, conta o diretor pedagógico da instituição, Luís Correia, ao jornal A Voz de Trás-os-Montes.

Na “Biblioteca Acessível”, os livros foram substituídos por 60 caixas multisensoriais, conforme exemplifica a professora Paula Proença.

Uma pequena caixa redonda e vermelha esconde um poema do mais famoso escritor transmontano, Miguel Torga. Lá dentro está também um ninho de brincar. “Sei um ninho. E o ninho tem um ovo. E o ovo, redondinho, tem lá dentro um passarinho novo”, declamou a professora, retirando ainda um pequeno pássaro de peluche da caixa.

Comentários

comentários

Etiquetas

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close