Sociedade

Banco Alimentar: nova campanha também online

NULL
Versão para impressão
O Banco Alimentar Contra a Fome volta a apelar à solidariedade dos portugueses em mais uma campanha de recolha de alimentos que decorre no próximo fim de semana, 28 e 29 de Maio. Esta edição tem uma novidade: as doações de produtos podem ser feitas através da internet.

Pela primeira vez, o Banco Alimentar oferece o serviço, “Alimente esta ideia … agora também online“, que poderá ser acedido através do site oficial do banco, onde estarão disponíveis seis produtos (leite, açúcar, atum, salsichas, azeite e óleo).

Basta o utilizador aceder ao site, escolher o produto que quer doar para, posteriormente, receber uma referência Multibanco para fazer o pagamento. No final, depois do pagamento feito, recebe um recibo igual ao valor do donativo.

Para além da campanha de recolha de alimentos através da plataforma online, decorre também a tradicional recolha de alimentos nas superfícies comercias. Decorre ainda dia 06 de junho a campanha “Ajuda Vale”, em todas as lojas das cadeias Dia/Minipreço, El Corte Inglês, Jumbo/Pão de Açúcar, Lidl, Continente e Pingo Doce.

31.000 voluntários

A campanha de recolha de alimentos mobilizará mais 31.000 pessoas que, a título voluntário, recolhem as contribuições efetuadas nos estabelecimentos comerciais, as transportam e arrumam nos armazéns dos dezanove Bancos Alimentares em atividade

O produto da campanha será distribuído localmente a pessoas com carências alimentares comprovadas através de mais de 1.936 Instituições de Solidariedade Social previamente selecionadas e acompanhadas ao longo de todo o ano por voluntários visitadores.

A iniciativa decorre em 18 regiões do país (Lisboa, Porto, Coimbra, Évora, Aveiro, Abrantes, Setúbal, Cova da Beira, Leiria-Fátima, Oeste, Algarve, Portalegre, Braga, Santarém, Viseu, Viana do Castelo, Terceira e Beja). Em São Miguel a campanha decorre em 3 e 4 de Junho devido a festividades locais.

Em 2010 o Banco Alimentar distribuiu cerca 26.567 toneladas de alimentos e 319 mil pessoas carenciadas receberam apoio através de 1.936 instituições em 19 regiões do país.

[Notícia sugerida por Patrícia Guedes, Vítor Fernandes e Raquel Baêta]

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close