Cultura

“Balsa, Memória Flutuante” exibido em Itália

O documentário "Balsa, Memória Flutuante", que se estreou na RTP2 em 24 de fevereiro, foi selecionado para a 21ª edição do Festival Rassegna Internazionale del Cinema Archeologico, a decorrer em Rovereto, Itália, de 4 a 9 de outubro.
Versão para impressão
O documentário “Balsa, Memória Flutuante”, que se estreou na RTP2 em 24 de fevereiro, foi selecionado para a 21ª edição do Festival Rassegna Internazionale del Cinema Archeologico, a decorrer em Rovereto, Itália, de 4 a 9 de outubro.

Este filme foi produzido para a RTP2, com apoios da Câmara Municipal de Tavira, da Direção Regional da Cultura do Algarve, da CCDR do Algarve, da Junta de Freguesia da Luz de Tavira, do Aldeamento Pedras d’El-Rei, do Museu Nacional de Arqueologia e Direção Regional da Cultura do Alentejo.

De acordo com a sinopse de “Balsa, Memória Flutuante”, ao porto de Balsa chegavam barcos e mercadorias dos mundos distantes de Roma, Cádiz, de Leptis Magna, de Thamusida, de Lixus e de Cartenna.

As ruínas de Balsa, soterradas há mais de 1500 anos, esperam para revelar uma das cidades mais vivas do Mediterrâneo ocidental.

Pode ver os 10 minutos do documentário no vídeo abaixo.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close