Mundo

“Avô” de 109 anos faz camisolas para pinguins em risco

"Alfie" Date tem 109 anos, mas não é a idade avançada a razão pela qual está nas bocas do mundo. O homem mais velho da Austrália tem impressionado todos com a sua generosidade ao dedicar o seu tempo a tricotar camisolas de lã para pinguins.
Versão para impressão
Alfred Date tem 109 anos, mas não é a idade avançada a razão pela qual está nas bocas do mundo. O homem mais velho da Austrália tem impressionado todos com a sua generosidade ao dedicar o seu tempo a tricotar camisolas de lã para pinguins ameaçados por um derrame de petróleo.
 
Foi em Março do ano passado que a Phillip Island's Penguin Foundation, fundação destinada a proteger os pinguins daquela ilha australiana, lançou um pedido internacional aos amantes do 'tricô', convidando-os a fazer camisolas para vestir os animais e evitar que engolissem o petróleo ao tentar limpar-se. 
 
“Alfie”, como é conhecido, que atualmente vive num lar, soube da história e decidiu ajudar, até porque, segundo confessou em entrevista ao site australiano “9Stories”, nunca soube dizer que não a um favor, uma postura que, na sua opinião, é “a melhor forma de caminhar pela vida fora”.
 
Com a colaboração das enfermeiras da instituição onde reside, que lhe cederam a lã, “Alfie” voltou a pôr em prática uma arte que aprendeu em 1932, quando a cunhada o ensinou a tricotar para fazer uma roupinha para o futuro sobrinho, e começou a tricotar pequenas camisolas para a colónia de pinguins de Phillip Island.
 
“Gosto de as fazer sem defeitos e não me perdoo se cometo erros”, confessa o centenário, que admite, ainda assim, acreditar que “há desculpa para alguém que já está tão além da esperança de vida normal”. 
 
Graças à colaboração maciça de “Alfie” e de centenas de outras pessoas de todo o mundo,  que atenderam ao pedido, a Phillip Island's Penguin Foundation já anunciou não precisar de mais camisolas e os seus responsáveis dizem estar “incrivelmente gratos” pelas doações e pelo “tempo e esforço” dos que contribuíram.


“Alfie” também gosta de tricotar cachecóis para os amigos e gorros para bebés. © 9Stories/Reprodução 

Fundação mostrou-se grata com o gesto do centenário
 

Danene Jones, que trabalha para a fundação, disse ao “9Stories” que a equipa sabia que “Alfie” era “o mais velho a tricotar as camisolas para os pinguins”, mas que só recentemente teve conhecimento de que se tratava, também, do homem mais velho da Austrália e, possivelmente, de um dos mais antigos praticantes da arte do 'tricô'.
 
“Sabíamos que ele tinha mais de 100 anos, mas não fazíamos ideia de que ele tinha sido declarado o habitante mais velho da Austrália. É fantástico e sentimo-nos privilegiados por ele ter dedicado o seu tempo e o seu esforço à fundação”, afirmou. 
 
“Alfie”, que tem sete filhos, 20 netos e 20 bisnetos, já fez, entretanto, questão de passar este talento às novas gerações e continua a tricotar cachecóis para os amigos e pequenos gorros para bebés prematuros. 
 
O método da proteção dos pinguins através de camisolas de lã foi testado com sucesso pela primeira vez em 2001, quando 438 pinguins ficaram cobertos de petróleo em consequência de um derrame perto de Phillip Island. 
 
À data, as camisolas permitiram que 96% dos animais regressassem ao seu habitat de boa saúde, evitando o 'stress', o frio, a destruição das penas e a incapacidade de caçar que tendem a afetar os pinguins durante as chamadas “marés negras”.

Notícia sugerida por Vítor Fernandes e Maria da Luz

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close