Cultura

Aqueduto do Loreto: descubra a Lisboa subterrânea

Com a reabertura de um dos troços do Aqueduto do Loreto, os lisboetas podem agora percorrer os 410 metros de galerias subterrâneas que ligam o jardim do Príncipe Real - também reaberto no passado dia 22 de maio - ao jardim de São Pedro de Alcântara.
Versão para impressão
Com a reabertura de um dos troços do Aqueduto do Loreto, os lisboetas podem agora percorrer os 410 metros de galerias subterrâneas que ligam o jardim do Príncipe Real – também reaberto no passado dia 22 de maio – ao jardim de São Pedro de Alcântara. Nos próximos dois anos, prevê-se a abertura de mais 2,8 quilómetros de extensão do aqueduto.

A galeria do Loreto faz parte do Aqueduto das Águas Livres e o seu traçado estende-se desde a Mãe d’Água das Amoreiras até ao Largo de São Carlos. Além da recuperação dos seus túneis, paredes e clarabóia, foi ainda instalada iluminação ao longo de todo o percurso de 410 metros.

As visitas realizam-se três vezes por semana e requerem marcação prévia. Para António Costa, presidente da Câmara de Lisboa, “conhecer estes caminhos são sonhos de infância que povoam a nossa imaginação”, declarou ao Jornal de Notícias.

Em 2012, espera-se a abertura de outro troço até ao Largo de São Carlos, também ao abrigo do protocolo assinado entre a Câmara de Lisboa e a EPAL (Empresa Portuguesa das Águas Livres).

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close