Negócios e Empreendorismo

Açores: Vinhos do Pico chegam ao Japão

Os vinhos da ilha do Pico, nos Açores, chegaram pela primeira vez ao Japão este ano. Depois da Alemanha, Polónia e Rússia, os vinhos da Curral de Atlantis preparam-se para conquistar este "novo mercado exportador" do Pacífico.
Versão para impressão
Os vinhos da ilha do Pico, nos Açores, chegam pela primeira vez ao Japão este ano. Depois da Alemanha, Polónia e Rússia, os vinhos da Curral de Atlantis preparam-se para conquistar este “novo mercado exportador” do Pacífico. 
 
“Conhecemos os investidores, há um tempo, numa feira internacional, em Lisboa. Entretanto foram conhecendo a empresa, os vinhos e a nossa realidade e acabaram por querer fazer negócio”, conta Marco Faria, gerente da produtora picoense, em declarações à agência Lusa. 
 
Com uma produção anual de 70 mil garrafas, relativas a seis referências – entre brancos, tintos e licorosos -, a Curral de Atlantis utiliza uvas de produção própria, mas também compradas a pequenos produtores do Pico. A partir desta que é a ilha com maior área de cultivo de vinho nos Açores, Marco já enviou vinhos brancos e licorosos para o outro lado do planeta.
 
“O importador mostrou-se muitíssimo interessado e continua a contactar-nos, a querer saber novidades. O feedback que temos tido de lá, desde o início de vendas, está a ser ótimo”, disse o responsável, que acredita em “novas encomendas no futuro”.
 
Além do consumo regional, os vários vinhos da empresa são também vendidos no continente e exportados para a Polónia e a Alemanha desde 2011/2012. Um dos vinhos mais procurados é o licoroso, feito com uvas verdelho e arinto, galardoado em 2010 com a medalha de ouro da Festa das Vindimas e que recupera uma tradição secular.

Clique AQUI para aceder ao site desta empresa vinícola portugesa. 

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close