Ambiente

Açores: Turismo sustentável ganha distinção europeia

As Terras do Priolo, situadas na zona oriental da ilha de São Miguel, nos Açores, acabam de ser galardoadas com a Carta Europeia de Turismo Sustentável pela organização não-governamental (ONG) europeia EUROPARC.
Versão para impressão
As Terras do Priolo, situadas na zona oriental da ilha de São Miguel, nos Açores, acabam de ser galardoadas com a Carta Europeia de Turismo Sustentável pela organização não-governamental (ONG) europeia EUROPARC, que representa uma rede de áreas protegidas no Velho Continente.
 
A localidade, uma área “remota e bonita”, afirma a ONG em comunicado, é o único lugar no mundo onde é possível encontrar o priolo, uma ave que se encontra em vias de extinção, e a única zona insular portuguesa a receber esta distinção, que marcará o início de um novo plano de ação.
 
Em sequência da atribuição da Carta Europeia de Turismo Sustentável, as Terras do Priolo, com quase metade do seu território inserido no Parque Natural da Ilha de São Miguel,  vão apostar no desenvolvimento do turismo de natureza em áreas protegidas, contribuindo para a sustentabilidade dos ecossistemas.
 
Isto porque o galardão implica a aplicação de uma metodologia participativa que permite a coordenação no território das diferentes instituições e agentes económicos relacionados com o turismo e a conservação da Natureza em prol de uma estratégia comum de promoção do turismo sustentável.
 
Do plano já traçado fazem parte variadas ações que vão ser desenvolvidas até 2017 e que incluem medidas de coordenação e conservação, a promoção de atividades sustentáveis como o montanhismo nas áreas protegidas, a interpretação cultural do legado das Terras do Priolo, a divulgação do território como destino turístico e o incremento da sustentabilidade das companhias de turismo.
 
“A implementação bem-sucedida deste plano vai ser um passo decisivo em direção à conservação do enorme valor natural e cultural das Terras do Priolo e podemos também esperar grandes benefícios económicos”, considera João Bettencourt, diretor regional do ambiente da Região Autónoma dos Açores. 
 
A Carta Europeia de Turismo Sustentável é atribuída atualmente a 107 parques naturais em 13 países europeus e é uma ferramenta desenhada, avaliada e certificada pela Federação EUROPARC com o intuito de promover o desenvolvimento de um turismo sustentável em áreas protegidas.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Mais recentes

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close