Sociedade

Açores: Maior conjunto de frescos recuperados

O maior conjunto de frescos conhecido em Portugal e o único nos Açores, existente na Igreja Matriz de S. Sebastião, na Terceira está a ser alvo de uma complexa intervenção de conservação, revelou hoje a Direcção Regional de Cultura.
Versão para impressão
[Foto © Guia da Cidade]

O maior conjunto de frescos conhecido em Portugal e o único nos Açores, existente na Igreja Matriz de S. Sebastião, na Terceira está a ser alvo de uma complexa intervenção de conservação, revelou hoje a Direcção Regional de Cultura.

“Trata-se do único conjunto de frescos atualmente conhecido nos Açores, de maior dimensão conhecido em Portugal, bem estudado do ponto de vista científico e iconográfico”, refere uma nota hoje divulgada.

Os frescos da Igreja de S. Sebastião ocupam uma área com 2,52 metros de altura, tendo 8,02 metros de largura na parede sul e 9,16 metros na parede norte. O conjunto corresponde a dois géneros distintos de pintura, apresentando figuras autónomas separadas por molduras decorativas com grotescos na parede sul e diversas cenas narrativas na parede norte.

O estilo da pintura revela, no entanto, que se trata de “uma obra realizada toda pela mesma mão”, acrescenta a nota da Direcção Regional de Cultura.

A recuperação deste conjunto de frescos está a decorrer desde janeiro de 2007, no quadro do plano de preservação do património cultural dos Açores e está a ser supervisionada pelo Instituto de Gestão do Património Arquitetónico e Arqueológico.

O Instituto dos Museus e da Conservação colaborou nesta intervenção através da realização das análises laboratoriais de identificação dos pigmentos e dos constituintes das argamassas.

A Direcção Regional de Cultura não adiantou os custos desta intervenção de conservação, nem o prazo para a sua conclusão.

Comentários

comentários

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close