Fitness & Bem-estar

ABC da Poupança: 9 dicas para poupar em Seguros

Desta vez venho falar-vos de como podemos poupar em seguros. Sejam eles obrigatórios ou não, uma coisa é certa: são necessários e também neles podemos garantir que damos o melhor uso ao nosso dinheiro.
Versão para impressão
[Por Ana Bravo, especialista em Economia Doméstica]

Image and video hosting by TinyPic

Desta vez venho falar-vos de como podemos poupar em seguros. Sejam eles obrigatórios ou não, uma coisa é certa: são necessários e também neles podemos garantir que damos o melhor uso ao nosso dinheiro. 

Como alguém dentro da área seguradora há quase 20 anos é impossível descolar-me de tudo o que aprendi, vi e vivi ao longo deste tempo. Por isso a principal dica é esta que adianto já:  Recorrer a um profissional da área.

Quando temos um sintoma físico é o médico que consultamos e não o sapateiro ou o talhante por isso nesta área dos seguros e porque ela envolve a nossa vida, saúde, dinheiro eu insisto neste ponto.


Segue um pequeno excerto com algumas das dicas que constam no ABC da Poupança (livro) onde encontra mais formas de rentabilizar o seu dinheiro tanto nesta área como noutras. 
 
1 – “O preço não é tudo”. Se há categoria em que o velho dito se aplica eis aqui um fantástico exemplo. Claro está que há dentre as diversas companhias as que apresentam excelente relação qualidade/preço e é isso que deve procurar. Mas volto a frisar aqui, não siga só o trilho do preço.

2 – Avalie as suas necessidades. Perceba exatamente quais são as suas necessidades de protecção: no caso de um acidente e ficar sem trabalhar tem como fazer face às despesas? E no caso de um falecimento? O seu sistema de saúde protege-o em que situações? Se um vidro so seu carro rachar ou partir tem como pagar o arranjo?

3 – Faça prospecção do mercado. Sente-se ao computador e faça simulações nos sites das seguradoras e compare as diferentes propostas. De preferência recorra a um profissional isento para aconselhamento.
 
4 – Evite a duplicação de seguros ou coberturas que não sejam cumulativas. Às vezes acontece ter duas apólices que cobrem o mesmo risco, o que pode não trazer vantagens pois nem todas as indemnizações são cumulativas e os encargos poderiam ser mais baixos.

5 – Contrate apenas o que realmente necessita. Há coberturas dos seguros que podem não fazer sentido para si contratar, nesse caso e se possível exclua-as. Ex: Alguém que tem um seguro de Acidentes Pessoais a prevenir uma incapacidade temporária ou definitiva ou ainda um falecimento por acidente não precisa esta cobertura no seguro de automóvel, basta contratar para restantes ocupantes caso seja necessário.
 
6 – Pagamento integral ou por débito directo. É a forma de poupar as despesas de fraccionamento. Se precisar mesmo de fraccionar há companhias que isentam este tipo de despesas se o pagamento for por débito direto em conta. Pode poupar até 10%

7 – Contratar vários seguros na mesma companhia pode ser vantajoso. No entanto não é regra e há situações em que tendo seguros em companhias diferentes compensa os descontos que teria contratando tudo numa só. É algo que necessita de estudo casuístico e mais uma daquelas situações em que a consulta de um profissional é aconselhável. Pode poupar cerca 20%

8 – Mantenha-se isento de sinistralidade pois sempre que tem um sinistro isso significa o aumento do prémio de seguro.E claro está, há todas as outras coisas tais como o tempo, as chatices para as quais não há indemnização que alguma vez compense.
 
9 – Manter-se saudável é uma excelente dica para poupar em seguros e isto depende essencialmente de si por isso tenha hábitos de vida saudáveis. Hábitos tabágicos, excesso de peso pagam preços elevados quer em termos de saúde quer em termos de prémios de seguro. As companhias agravam os prémios de seguros de vida e saúde quando à altura da contratação existem doenças diagnosticadas podendo mesmo rejeitar a subscrição dependendo da doença e da gravidade. A saúde precária é também responsável por vários sinistros quando se conduz ou se trabalha.
 
Até à próxima e até lá faça seguros em Segurança… financeira!

____________________________________________________________

[Ana Bravo é consultora de crédito bancário e sócia-gerente da RP Formação. Para saber mais sobre os serviços, cursos e workshops desta empresa de consultoria e educação financeira clique aqui]

Comentários

comentários

Etiquetas

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close