Ambiente

13 mil euros para projetos ambientais no feminino

As candidaturas para a 7.ª edição do Prémio Terre de Femmes Portugal, que todos os anos distingue mulheres com projetos de referência na área do ambiente, arrancam hoje e terminam no dia 9 de Outubro, numa iniciativa desenvolvida pela Yves Rocher.
Versão para impressão
As candidaturas para a 7.ª edição do Prémio Terre de Femmes Portugal, que todos os anos distingue mulheres com projetos de referência na área do ambiente, arrancam hoje e terminam no dia 9 de Outubro, numa iniciativa desenvolvida pela Yces Rocher Portugal.

Para se poderem candidatar, os interessados terão que corresponder aos seguintes parâmetros: Ser mulher; ter idade igual ou superior a 18 anos e, por último, desenvolver um projeto em prol do ambiente, feito de forma independente e/ou através de uma estrutura sem fins lucrativos.

Este ano o concurso, que foi lançado em Portugal no ano de 2009, pretende duplicar o valor do prémio para 10 mil euros, havendo ainda uma menção honrosa para a concorrente que consiga atingir o segundo no lugar, no valor de três mil euros.

Atualmente, o prémio abrange vários países: França, Alemnha, Suíça, Rússia, Marrocos, Ucrânia, México e Portugal, sendo que as primeiras classificadas de cada um dos países participantes ficam ainda habilitadas a poderem ganhar o Prémio Internacional do Público, num valor definido pela Fundação Yves Rocher.

Na edição anterior foi a investigadora portuguesa Milene Matos a ser galardoada com o Grande Prémio Internacional e o Prémio Internacional do Público, tendo sido triplamente distinguida com o projeto “Bio Somos Todos”, em curso na Mata Nacional do Buçaco.

O Júri nacional independente é composto por reputados elementos que vão avaliar os projetos,  projetos esses submetidos a concurso e que serão avaliados por representantes da Liga para a Proteção da natureza (LPN); Quercus; Inspeção-Geral da Agricultura, do Mar, do Ambiente e do Ordenamento do Território; e Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa (ICS-UL).

O Prémio Terre de Femmes foi criado há 14 anos pela Fundação Yves Rocher com o objetivo de distinguir, dar visibilidade e apoiar financeiramente projetos de mulheres eco-cidadãs que trabalham para uma pegada cada vez mais positiva. Num investimento global superior a ?1.5M, a Fundação Yves Rocher já apoiou 350 mulheres, oriundas de 15 países, que se dedicam diariamente a preservar e defender o ambiente.

“Numa altura em que diariamente somos confrontados com a degradação do ambiente, em parte pela ação humana, então é nosso dever distinguir e apoiar quem diariamente trabalha pela causa eco-cidadã e pelo bem comum”, afirma Ana Ribeiro, porta-voz da Fundação Yves Rocher em Portugal.

As candidaturas decorrem até ao próximo dia 09 de outubro, devendo os projetos ser submetidos para a morada da Yves Rocher Portugal, ou através do endereço terredefemmes.portugal@yrnet.com.

Comentários

comentários

Etiquetas

PUB

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais aqui.

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close