Saúde

Vitamina D evita doenças cardiovasculares e diabetes

Um artigo norte-americano publicado no The American Journal of Cardiology comprova que a manutenção de vitamina D no organismo pode evitar vários problemas de saúde, entre os quais a hipertensão, problemas vasculares, diabetes, disfunções metabólicas
Versão para impressão
Um artigo norte-americano publicado no The American Journal of Cardiology comprova que a manutenção de vitamina D no organismo pode evitar vários problemas de saúde, entre os quais a hipertensão, problemas vasculares, diabetes, disfunções metabólicas, doenças nas artérias coronárias e insuficiências cardíacas.
 
O estudo, que tem como principal autor James Vacek, da Universidade do Centro Médico e Hospitalar do Kansas, EUA, examinou a ligação entre a deficiência de vitamina D e a ingestão de suplementos desta vitamina e os estado de saúde dos pacientes analisados.
 
Para isso, foram reunidas as medidas de soro vitamínico correspondentes a cinco anos e oito meses, que depois foram relacionadas com dados demográficos, fisiológicos e com a saúde dos pacientes.
 
Dos quase 11 mil indivíduos incluídos na análise, cerca de 70% tinham apresentavam insuficiência de vitamina D no organismo e era esta percentagem que apresentava mais casos de doenças vasculares e cardíacas ou de diabetes, com uma probabilidade acrescentada em 164%.
 
“Esperávamos constatar que havia uma relação entre doenças do coração e deficiência de vitamina D, mas ficamos surpresos ao descobrir como é forte esta relação”, disse James L. Vacek, professor de cardiologia do hospital da Universidade de Kansas à agência Reuters.

A falta de vitamina D está relacionada com uma série de doenças, mas poucos estudos até agora tinham demonstrado que os suplementos podiam prevenir esses problemas.
 

Por outro lado, foi verificado que a recorrência a suplementos da vitamina oferece ao paciente benefícios substanciais para a saúde. A pesquisa sublinha, porém, que a vitamina D pode não ser a única causa dos efeitos observados. Outros fatores, como doenças ou fatores hereditários, podem ser responsáveis tanto pelas diferenças no estado de saúde como pelos níveis de vitamina D de cada paciente.
 
A vitamina D está presente em alimentos como os ovos e alguns tipos de peixe (como o atum ou a sardinha), mas também em laticínios e bebidas à base de soja. A exposição ao sol é um dos fatores que desencadeia a produção da vitamina na pele.
 
Sabe-se ainda que a vitamina D é fundamental para manter o equilíbrio do corpo através da homeostase, mas também para permitir a absorção e fixação de cálcio e de fósforo e proteger o organismo de doenças infecciosas.

Pode consultar o artigo publicado AQUI.

[Notícia sugerida por Maria Manuela Mendes]

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório