Negócios e Empreendorismo

Vistos para trabalhar em Angola duram três anos

NULL
Versão para impressão
Entram esta quarta-feira em vigor os novos vistos para os portugueses que queiram ir trabalhar para Angola, com duração de três anos. O documento foi assinado em Setembro pelo ministro dos Negócios Estrangeiros, Paulo Portas e o seu homólogo angolano, George Chicoti.

O acordo pretende fortalecer os laços de amizade entre os dois países, mas acima de tudo facilitar a circulação dos portugueses que pretendem partir para o mercado de trabalho em Angola, lê-se no documento divulgado pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros português.

Os vistos que até agora tinham uma duração máxima de 12 meses, passam a ser válidos por três anos, renováveis duas vezes por iguais períodos, sendo necessário o regresso a Portugal para efetuar essa renovação. Outra novidade deste novo acordo é o tempo de espera pelo documento, que diminui para apenas 30 dias.

Este acordo “histórico” entre Portugal e Angola vem “introduzir mudanças profundas nos regimes de vistos de curta duração, nos vistos laborais e nas prorrogações dos vistos de ambos os géneros e na previsibilidade na sua obtenção”, disse à Lusa Fonte do Ministério dos Negócios Estrangeiros português.

Em relação aos vistos de curta duração, que até agora eram de 30 dias, passam a ser de até 90 dias por semestre (180 dias por ano) e poderão ser obtidos no prazo de oito dias.

Segundo conta a Lusa, em Angola estão instalados cerca de 120/140 mil portugueses. George Chicoti admitiu que, até agora, se verificavam “muitas dificuldades” na obtenção de visto para Angola e garantiu que este acordo vai facilitar o processo.

No comunicado divulgado pelo ministério este acordo é visto como fruto do empenho “em eliminar barreiras ao desenvolvimento das atividades das empresas e o investimento, assim como ao intercâmbio nos domínios académico, cultural, científico e tecnológico, e da saúde”.

[Notícia sugerida por Vitor Fernandes]

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório