Em Destaque Sociedade

Violência preocupa Facebook

Novos trabalhadores irão juntar-se aos 4,500 que já existem
Versão para impressão
por redação

Foi anunciado pelo Facebook a contratação de três mil pessoas para trabalharem na remoção de vídeos e publicações impróprias. A nova equipa tem como principal objetivo procurar ou bloquear conteúdos na rede social que envolvam crimes, como homicídio, suicídio entre outros. O anúncio desta decisão foi feito pelo CEO da empresa Mark Zuckerberg.

Segundo explica a Associated Press, as culpabilizações devem-se a vídeos partilhados no Facebook de homicídios em Cleveland e a morte de um bebé na Tailândia. A contratação de três mil novos trabalhadores poderá a vir ser a resposta do Facebook às críticas sobre conteúdos violentos na rede social.

Zuckerberg escreveu que publicações e vídeos violentos são contra as regras do Facebook. “Se queremos construir uma comunidade segura, temos de responder rapidamente. Estamos trabalhar para reportar estes vídeos seja cada vez mais rápido e para podermos tomar uma ação rapidamente – quer seja respondendo rapidamente quando alguém precisa de ajuda ou removendo o post”.

Comentários

comentários

Pub

Aid Global

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub