Sociedade

Viana: Estaleiros constroem navios para a Venezuela

A construção de dois navios asfalteiros para uma empresa petrolífera da Venezuela pode arrancar dentro de dois a três meses, revelou a administração dos Estaleiros Navais de Viana do Castelo (ENVC).
Versão para impressão

Os Estaleiros Navais de Viana do Castelo (ENVC) deverão começar dentro de dois a três meses a construir dois navios asfalteiros para uma empresa petrolífera da Venezuela, anunciou a administração. O negócio tem um valor estimado de 128 milhões de euros e a entrega dos navios está prevista para Fevereiro de 2014.

A administração dos Estaleiros Navais de Viana do Castelo (ENVC) prevê que dentro de “dois a três meses” poderá receber o aço necessário para desbloquear o processo de construção dos navios asfalteiros para a Venezuela.

“O mês de junho é uma data possível para o início do corte de chapa, contudo dependerá do processo de aquisição do aço, nomeadamente das condições de prazos dos fornecedores”, explicou uma fonte da administração dos ENVC à Lusa.

Os ENVC já receberam a primeira tranche, correspondente a 10% do contrato, e desde Julho que têm o projeto de construção concluído, o qual não podia avançar devido à falta de liquidez para garantir a aquisição do material.

Para a empresa pública, este negócio, o único ainda ativo nos ENVC, representa cerca de 1,3 milhões de horas de trabalho durante três anos.

O negócio, que foi celebrado em contrato com a petrolífera venezuelana em Outubro de 2010 e que contou com a presença, em Viana do Castelo, do presidente da Venezuela, Hugo Chávez, envolve a construção de dois navios de 190 metros e 27.000 toneladas.

Os navios, que vão ser construídos nos estaleiros de Viana do Castelo, estão destinados ao transporte asfalto a 200 graus centígrados, nos seus oito tanques, cada um com 23.000 metros cúbicos de capacidade.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório