Cultura

Urban Sketchers: 150 desenhadores retratam Lisboa

NULL
Versão para impressão
Cerca de 150 desenhadores de todo o mundo vão reunir-se, em Lisboa, desta quinta-feira a sábado, para desenhar diferentes zonas da capital. Esta é a 2ª edição desde encontro promovido pela associação internacional Urban Sketchers, onde se pretende incentivar o desenho de observação direta na rua.
 
A programação inclui vários workshops em espaços do centro histórico lisboeta, assim como conferências na Faculdade de Belas-Artes da Universidade de Lisboa, no Chiado, junto a zonas graficamente apelativas como o Largo Luís de Camões ou a Praça do Rossio.
 
Eduardo Salavisa, um dos organizadores do evento, afirma em comunicado que, “devido à sua luminosidade, às suas colinas e vistas inesperadas para o rio Tejo, Lisboa torna-se uma cidade ideal para desenhar”.
 
Os workshops serão coordenados por uma equipa nacional e internacional, entre os quais os autores do livro “Diários de Viagem em Lisboa”: Eduardo Salavisa, José Louro, João Catarino, Pedro Cabral e Richard Câmara.
 
Entre os conferencistas estão presentes nomes como Frank Ching, dos Estados Unidos, autor e professor, ou Ruth Rosengarten, artista e historiadora inglesa.
 
“O nosso objetivo, com o evento, é chamar a atenção para a arte do desenho urbano e dar aos participantes, que podem conhecer-se apenas online, um fórum onde possam conhecer-se pessoalmente e aprender uns com os outros no terreno”, conclui o fundador dos Urban Sketchers, Gabriel Campanario, em comunicado.
 
O encontro de Lisboa é o segundo evento anual que os Urban Sketchers organizam. O primeiro foi em Portland, Oregon, em Julho de 2010. No site oficial do evento há um mapa da cidade com os sítios onde se poderá encontrar os artistas a desenhar.

Veja aqui a página do evento.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório