Cultura

UNESCO: Matosinhos candidata-se a Cidade de Design

Em 2015, a cidade de Matosinhos quer candidatar-se ao título de Cidade de Design, uma distinção atribuída pela UNESCO às localidades que promovem o desenvolvimento de indústrias criativas.
Versão para impressão
Em 2015, a cidade de Matosinhos quer candidatar-se ao título de Cidade de Design,  uma distinção atribuída pela UNESCO às localidades que promovem o desenvolvimento de indústrias criativas. 
 
O anúncio foi feito pelo presidente da Câmara de Matosinhos, Guilherme Pinto, que apresentou, esta quinta-feira, a Quadra-District Design, uma iniciativa que pretende consagrar o concelho nesta área e apresentá-lo como candidato ao título da UNESCO em 2015. 
 
Para o autarca, Matosinhos tem “todas as condições para ser uma Quadra Design District” e, em 2015, uma 'Cidade de Design'. A distinção é atribuída pela UNESCO às cidades que promovem o desenvolvimento de indústrias criativas, uma rede que, atualmente, conta já com 41 membros. 
 
A lista é dividida em sete categorias distintas sendo que, para além do design, são também consagradas a literatura, a música, o cinema, as artes mediáticas, a gastronomia e o artesanato e arte popular. A ser aprovada, a cidade de Matosinhos seria a primeira localidade portuguesa a integrar esta rede. 
 
“Hoje percebemos Matosinhos como cidade criativa, uma cidade dedicada ao design e uma cidade onde há um conjunto de investimento que a qualificam para ser um ponto incontornável no que diz respeito ao design”, refere Guilherme Pinto à Lusa, relembrando que aquela, inclusive, é “a terrra do arquiteto Siza Vieira”. 
 
Nesse sentido, vão ser promovidas uma série de ações como, por exemplo, o Espaço Quadra, “uma incubadora dedicada ao design” a abrir em Maio, um “evento anual de celebração da criatividade da Escola Superior de Artes e Design (ESAD) com arte de rua” e a Casa do Design, onde serão expostas coleções de vários autores e colecionadores. 
 
Até lá, um dos primeiros passos para a implementação da Quadra-Design District passa pela criação da Associação Quadra, sem fins-lucrativos, a ser instalada na Quadra Marítima, por forma a trazer toda uma nova dinâmica àquele local.

Comentários

comentários

Pub

Aid Global

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub