Ambiente

UNESCO: Galápagos sai da lista de locais em perigo

O Comité do Património Mundial da UNESCO decidiu retirar as ilhas Galápagos da sua lista de locais em perigo, reconhecendo assim os esforços de proteção feitos pelo Equador. O anúncio foi feito na passada quarta-feira, após uma reunião realizada em B
Versão para impressão
O Comité do Património Mundial da UNESCO decidiu retirar as ilhas Galápagos da sua lista de locais em perigo, reconhecendo assim os esforços de proteção feitos pelo Equador. O anúncio foi feito na passada quarta-feira, após uma reunião realizada em Brasília.

“A Unesco analisou com profundidade e tivemos que votar, mas a maioria foi a favor da retirada da ilha equatoriana da sua condição de património ameaçado”, declarou o ministro de Cultura brasileiro, Juca Ferreira, que presidiu à reunião do Comité, citado pela agência EFE.

As 58 ilhas do arquipélago de Galápagos, situadas no Oceano Pacífico, a mil quilômetros do litoral do Equador, foram o primeiro lugar do planeta inscrito na Lista do Património Mundial, em 1978.

Em 2007, o Comité da Unesco decidiu acrescentar o arquipélago equatoriano à Lista dos Patrimónios da Humanidade em Perigo, devido ao “turismo crescente” e outros problemas de caráter ambiental e social.

A reunião da UNESCO, que decorre em Brasília até ao dia 3 de agosto, visa escolher, entre 30 locais a concurso, aqueles que merecem ser distinguidos pelo seu “valor universal excecional”.

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório