Inovação e Tecnologia

UMinho poderá receber pólo de software da ONU

O Instituto Internacional de Software e Tecnologia da Universidade das Nações Unidas (ITSUNU) está a considerar abrir em Guimarães uma delegação deste organismo em colaboração com a Universidade do Minho (UM) cujas anteriores colaborações poderão fac
Versão para impressão
O Instituto Internacional de Software e Tecnologia da Universidade das Nações Unidas (ITSUNU) está a considerar abrir em Guimarães uma delegação deste organismo em colaboração com a Universidade do Minho (UM) cujas anteriores colaborações poderão facilitar a concretização desta parceria.

O ITSUNU, sediado em Macau, é responsável por vários programas de doutoramento em Informática, e está à procura de um parceiro na Europa. O instituto colabora há mais de dez anos com o Departamento de Informática da UM e, segundo o jornal Público, está aberto a um reforço da parceria existente.

“Há muito que conhecemos a qualidade de investigação da UM e estamos realmente interessados em estender a colaboração no âmbito da investigação em software”, avança o director do ITSUNU, Zhiming Liu, que esteve em Guimarães no fim-de-semana, no âmbito de uma conferência promovida pela universidade portuguesa.

O pólo em Guimarães seria responsável por programas de doutoramento, com um corpo de docentes partilhado entre a Universidade das Nações Unidas (UNU) e a UM. A estratégia de crescimento da UNU até 2012 privilegia a criação destes institutos gémeos, de modo a partilhar o conhecimento gerado pelos investigadores associados à instituição.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório