Negócios e Empreendorismo

UE: Novo projeto ajuda jovens a encontrar emprego

A Comissão Europeia lançou um novo projeto que visa ajudar 5.000 jovens a encontrar emprego, com possibilidade de ajuda financeira. Face aos 1,2 milhões de postos de trabalho disponíveis na rede, o organismo pretende facilitar o acesso às ofertas.
Versão para impressão
A Comissão Europeia lançou um novo projeto que visa ajudar 5.000 jovens a encontrar emprego, com possibilidade de ajuda financeira. Face aos 1,2 milhões de postos de trabalho disponíveis na rede, o organismo pretende facilitar o acesso às ofertas através do EURES (Portal Europeu da Mobilidade Profissional).

De acordo com o comunicado divulgado na semana passada, a Comissão Europeia (CE) lançou o projeto-piloto sob o nome “O teu primeiro emprego EURES” que visa melhorar a rede EURES, transformando-a num acesso privilegiado às ofertas do mercado laboral europeu.

Esta iniciativa ajudará não só quem procura emprego, mas também os empregadores que terão à sua disposição listas de candidatos organizadas de acordo com as competências.

Apoio financeiro para deslocamentos

Os cidadãos com idades entre os 18 e os 30 anos poderão receber não só informações de recrutamento, mas também apoio financeiro para a respetiva candidatura ou formação.

Assim, a CE disponibiliza uma bolsa entre 200 e 300 euros para deslocações em caso de entrevista, bem como ajudas de cerca de 900 euros para aqueles que se mudem, efetivamente, para outro país.

Além destas bolsas, as pequenas e médias empresas têm a possibilidade de solicitar apoio financeiro para cobrir parte dos custos de formação dos contratados, abrindo hipótese para mais contratações.

Dependendo do país ou do tipo de empresa em causa, os apoios financeiros deverão oscilar entre os 600 e os 900 euros a aplicar em programas de integração como, por exemplo, os cursos de línguas.

“O teu primeiro emprego EURES” afigura-se uma primeira solução para fazer face à crise de desemprego na Europa. Na primeira fase, o programa beneficia de cerca de 4 milhões de euros, embora se esperem dois novos reforços para empregar mais 3.500 pessoas.

Para aceder ao programa clique aqui.

[Notícia sugerida por Vítor Fernandes]

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório