Ambiente

UE: Cidadãos podem consultar poluição “online”

NULL
Versão para impressão

Londres e Bruxelas são as cidades europeias que registam os mais elevados níveis de CO2 a partir de emissões rodoviárias, revela um novo serviço lançado esta semana que permite aos cidadãos europeus visualizarem, online, as principais fontes difusas de poluição atmosférica, como os transportes, a aviação ou a indústria.

O serviço funciona graças a um novo conjunto de 32 mapas disponibilizados na Internet pela Comissão Europeia e Agência Europeia do Ambiente. O conjunto exaustivo de mapas oferece uma visualização numa escala de cinco quilómetros por cinco quilómetros.

O endereço eletrónico http://prtr.ec.europa.eu/DiffuseSourcesAir.aspx disponibiliza imagens em grande plano da poluição atmosférica, com 32 mapas que permitem aos cidadãos, pela primeira vez, perceber onde são libertados certos poluentes como óxidos de azoto (NOX), óxidos de enxofre (SOX), monóxido de carbono (CO), amoníaco (NH3) e partículas (PM10).

O E-PRTP foi lançado em 2009 com o objetivo de melhorar o acesso à informação ambiental mas até agora continha apenas dados comunicados por instalações industriais (fontes pontuais).

A partir de hoje o site oferece informações sobre emissões dos transportes rodoviários, da navegação, da aviação, do aquecimento de edifícios, da agricultura e de empresas (fontes difusas).

“O conhecimento é fundamental para tornar as nossas ações credíveis, sendo fonte de importantes informações para os nossos cidadãos. Estes mapas demonstram um empenho genuíno em melhorar o entendimento coletivo quanto à origem da poluição atmosférica”, comentou hoje o comissário europeu do Ambiente, Janez Potocnik.

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório