Mundo

UE: 1,2 mil milhões de euros para o Haiti

A União Europeia anunciou que irá contribuir com mais de 1,2 mil milhões de euros para a reconstrução do Haiti devastado pelo sismo de 12 de janeiro. O valor final vai ser decidido hoje pela União Europeia (UE) durante a conferência de doadores em No
Versão para impressão
A União Europeia anunciou que irá contribuir com mais de 1,2 mil milhões de euros para a reconstrução do Haiti devastado pelo sismo de 12 de janeiro. O valor final vai ser decidido hoje pela União Europeia (UE) durante a conferência de doadores em Nova Iorque.

“O primeiro objetivo da conferência é assegurar as dotações para recuperação e reconstrução do Haiti através de contributos de todas as fontes – públicas, privadas e instituições não governamentais e multilaterais”, refere uma nota divulgada pela missão da UE e citada pela agência EPA.

A delegação europeia, chefiada pela Alta Representante para os Negócios Estrangeiros, Catherine Ashton, pretende ver sair da conferência também uma estratégia a longo prazo, para um período de dez anos, para projetos de reconstrução e desenvolvimento, avaliados em 10 mil milhões de euros.

A UE, junto a Brasil, França, Espanha, e Canadá, será uma das copresidentes da reunião e vai pedir aos doadores um primeiro pagamento de 3,8 mil milhões de dólares.

Fonte da delegação portuguesa disse ao DN que Portugal deu “ajuda de emergência ao Haiti no valor de 1,3 milhões de euros”. Portugal remete para a UE os contributos financeiros para a reconstrução do Haiti que perdeu 220 mil habitantes vítimas no terramoto que fez ainda 1,3 milhões de pessoas ficarem sem abrigo.

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório