Turismo

Turismo: Lisboa assina acordo pioneiro com Airbnb

A Câmara Municipal de Lisboa e a Airbnb assinaram esta sexta-feira um acordo de cooperação inédito para facilitar o sistema de coleta da taxa turística aos proprietários de alojamento local e promover uma atuação mais transparente do sector.
Versão para impressão
A Câmara Municipal de Lisboa e a Airbnb assinaram esta sexta-feira um acordo de cooperação inédito para facilitar o sistema de coleta da taxa turística aos proprietários de alojamento local e promover uma atuação mais transparente do sector. 
 
A partir de 1 de Maio, a plataforma de alojamento turístico começará a coletar e enviar, em nome dos seus operadores de turismo local (anfitriões), a taxa turística devida pelos visitantes. A verba será acrescentada ao total pago pelos visitantes em todas as estadias na cidade e remetida à autarquia trimestralmente.

O novo processo é totalmente automático e integrado na plataforma Airbnb, facilitando que a Câmara Municipal de Lisboa receba esta importante fonte de receita e poupando aos anfitriões a tarefa de proceder ao pagamento de cada estadia.

 
A Airbnb e a Câmara Municipal de Lisboa vão ainda trabalhar em conjunto para promover uma atuação mais responsável no alojamento local/home sharing, construindo uma comunidade aberta e transparente no sector e ajudando a promover o desenvolvimento sustentável do turismo em harmonia com outras áreas que ajudem a fazer de Lisboa um local melhor para viver, trabalhar e viajar.  
 
“A taxa turística vai reverter para o Fundo de Desenvolvimento Turístico, que tem como objetivo promover de forma sustentável o sector do turismo, nesta e noutras vertentes, harmonizando-o com outras áreas estratégicas de crescimento da cidade, que melhorem a vida das pessoas que a habitam e visitam”, explica João Paulo Saraiva, Vereador dos Recursos Humanos e Finanças, numa nota de imprensa enviada ao Boas Notícias.
 
“O novo processo que agora começa é automático e simples para todos. A Airbnb está grata pela oportunidade de trabalhar com a Câmara Municipal de Lisboa e apoiar os anfitriões da Airbnb com estas novas medidas, que são um exemplo para o mundo”, disse, por seu lado, Arnaldo Muñoz, gestor dos serviços de Marketing da Airbnb em Portugal. Lisboa torna-se assim, a par de Paris e Amesterdão, pioneira nesta solução automática.

Taxa foi implementada a 01 de Janeiro deste ano
 
A taxa turística de Lisboa foi implementada a 1 de Janeiro de 2016. A verba reunida reverterá para o Fundo de Desenvolvimento Turístico de Lisboa, de forma a promover o sector dentro de uma estratégia de crescimento sustentável da cidade.
 
Fundada em Agosto de 2008, e sediada em São Francisco, Califórnia, a Airbnb é um mercado global comunitário no sector, onde os interessados podem anunciar, encontrar e reservar alojamento em todo o mundo. A Airbnb põe em contacto pessoas através da experiência da viagem, em mais de 34.000 cidades de 190 países.

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório