Ambiente

Tubarões inofensivos ao largo do Algarve

As dezenas de tubarões-martelo avistados esta semana na costa do Algarve não constituem perigo para quem anda no mar. Os especialistas garantem que a espécie é inofensiva.
Versão para impressão
As dezenas de tubarões-martelo avistados esta semana na costa do Algarve não constituem perigo para quem anda no mar. Os especialistas garantem que a espécie é inofensiva.

Ao Comando da Zona Marítima do Sul têm chegado vários relatos, de pescadores e turistas, que dizem ter visto tubarões ao longo da costa algarvia.

“Não vamos intervir. Já reunimos com biólogos do Zoomarine e da Universidade do Algarve que nos garantiram tratar-se de animais inofensivos”, explicou o capitão do Porto de Portimão e Lagos, Cruz Martins.

“Pela quantidade de barbatanas que contámos à superfície deviam ser uns vinte tubarões, mas debaixo de água parecia existir outros tantos” testemunhou ao DN o biólogo e pescador André Dias que em 30 anos de mar não tem em memória de algum encontro com tubarões tão perto da costa.

O especialista em tubarões João Pedro Correia, contactado pelo DN, corroborou que “os cabeça -de-martelo não devem assustar ninguém” já que se tratam de animais nervosos que fogem mal sentem a presença humana. “Nem têm dentes para rasgar, apenas para triturar os pequenos peixes”, garante o mesmo responsável.

Quanto à razão para que tenham aparecido tão perto da costa estes tubarões, João Pedro Correia considera normal, uma vez que são animais que percorrem grandes distâncias pelos oceanos.

O mesmo especialista aproveita para lançar o desafio: “Se souberem da existência de agregados desta espécie, tentem mergulhar e fotografar porque se trata de uma oportunidade única.”

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório