Inovação e Tecnologia

Telemóveis: nova aplicação deteta quedas

Combater o sedentarismo, alertando para o nível de atividade física do seu utilizador, e enviar alertas em caso de queda de idosos são duas das soluções oferecidas pela nova aplicação Mover, que o Centro de Investigação Fraunhofer Portugal (AICOS) de
Versão para impressão
Combater o sedentarismo, alertando para o nível de atividade física do seu utilizador, e enviar alertas em caso de queda de idosos são duas das soluções oferecidas pela nova aplicação Mover, que o Centro de Investigação Fraunhofer Portugal (AICOS) desenvolveu. O centro está também a concluir uma aplicação que permitirá uma integração na rede de transportes do Porto, facilitando a escolha de itinerários.

O Mover é uma aplicação desenvolvida para telemóveis baseados no sistema operativo Android (desenvolvido pela Google) e tem duas vertentes distintas: por um lado a promoção de um estilo de vida mais ativo e saudável, por outro detetar quedas e outras situações de perigo, como desmaios, entre a população sénior.

“Os comportamentos sedentários são uma das preocupações atuais nas
nossas sociedades. […]Alguns minutos de caminhada ou outras atividades
semelhantes podem melhorar significativamente a rotina diária das pessoas”, explica o Centro de Investigação Fraunhofer Portugal para Soluções de Comunicação e Informação Assistidas (AICOS) em comunicado.

Assim, “o Mover aproveita o facto de alguns telemóveis [Android] estarem equipados com um acelerómetro”, para “monitorar e comparar o seu nível de atividade com a média dos utilizadores da aplicação, funcionando assim como um personal trainer, permanentemente disponível”.



O Mover apresenta também uma solução para a população sénior, para minimizar o perigo das quedas, que por vezes são “seguidas de estados de inconsciência ou desmaios”, explica o comunicado do AICOS acrescentando que “as estatísticas dizem que, em média, cada cidadão com mais de 65 anos tem uma queda por ano”.

Além de detetar a queda, o mover também permite o envio de alertas a familiares ou serviços de emergência via SMS, e-mail ou outras formas de contacto suportadas por tecnologias de comunicação, para que a ajuda seja prestada da forma mais rápido possível.

O mover foi apresentado no segundo concurso de desenvolvimento Android da Google, conquistando o 5º lugar entre mais de 150 aplicações concorrentes na mesma categoria. O AICOS espera, brevemente, comercializar a aplicação.

NaviPorto: para “navegar” nos transportes da Invicta

Destinado a turistas ou a qualquer utilizador que deseje navegar mais facialmente na rede de transportes do Porto, esta aplicação recorre o sistema de bilhética da rede de transportes públicos do Porto, o “Andante”, para interagir com o passageiro, enviando-lhe instruções sobre o circuito mais adequado.

O NaviPorto permite, através do sistema do Andante, baseado em identificadores de radiofrequência (RFID – Radio Frequency Identifier), identificar em tempo real a localização do passageiro na rede de transportes e enviando instruções através de SMS.

Esta aplicação, que está na sua fase final de aperfeiçoamento, irá também identificar monumentos e outros pontos de interesse que existem na zona onde o turista se desloca.

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório