Desporto

Surf: Frederico Morais vence nº2 mundial em Peniche

O surfista português Frederico Morais eliminou, esta segunda-feira, o norte-americano Kelly Slater, 11 vezes campeão do mundo de surf, na segunda ronda da etapa portuguesa do circuito mundial que está a decorrer em Peniche.
Versão para impressão
O surfista português Frederico Morais eliminou, esta segunda-feira, o norte-americano Kelly Slater, 11 vezes campeão do mundo de surf, na segunda ronda da etapa portuguesa do circuito mundial que está a decorrer em Peniche. 
 
Frederico Morais, mais conhecido por “Kikas”, apurou-se para a terceira eliminatória da prova ao somar 12,34 pontos (6,67 e 5,67), mais 2,21 do que Slater, atual n.º2 do ranking mundial, que contabilizou 10,13 (5,43 e 4,70) no segundo “heat” de repescagem do Rip Curl Pro Portugal by Moche que foi hoje retomado na praia de Supertubos após quatro dias de espera.
 
Depois de eliminar Kelly Slater, uma das maiores figuras do surf internacional, o jovem Frederico Morais, de 21 anos, natural de Cascais, que, assim, garantiu, pelo menos, um lugar entre os 13.ºs classificados do Rip Curl Pro Portugal, disse sentir-se “no céu”.
 
“As melhores ondas que fazemos na vida são aquelas que acabamos e não nos lembramos do que fizemos. Acho que este 'heat' foi um bocado assim, estou no céu, tenho de aproveitar e concentrar-me nos próximos 'heats'”, afirmou o português, citado pela Lusa.
 
«Eu sabia o que queria, não ia para dentro de água para perder, queria ganhar e dar um bom 'show' de surf. Fui com a determinação de mostrar aos portugueses que podia passar e consegui. É ótimo [estar no céu], mas agora tenho de pôr os pés na terra e acreditar no 'round' três. É esse o meu foco agora”, assegurou.
 
O triunfo, de grande importância pessoal para Frederico Morais, atrasa o norte-americano na luta pelo título mundial de 2013 em benefício do australiano Mick Fanning que tem agora mais probabilidades de vencer o Rip Curl Pro by Moche, sagrando-se campeão em Portugal.
 
Fanning tem caminho aberto para o título se chegar à final e Jordy Smith não vencer ou se perder nas meias-finais e o vencedor não for Smith, Taj Burrow ou Joel Parkinson.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório