Sociedade

Supermercado combate desperdício ditado pelas datas

Funciona apenas online e só vende produtos da categoria ?consumir preferencialmente antes de...? mas que estejam já perto da data. Champôs, massas, produtos de limpeza são alguns destes produtos que, mesmo passando a data ideal de consumo, não repres
Versão para impressão
Funciona apenas online e só vende produtos da categoria “consumir preferencialmente antes de…” mas que estejam já perto da data. Champôs, massas, produtos de limpeza são alguns destes produtos que, mesmo passando a data ideal de consumo, não representam perigo para o consumidor. Os descontos chegam a atingir os 70% e as entregas são feitas em casa.
 
Ajudar os consumidores a poupar e a evitar o desperdício alimentar, sensibilizando-os para o tema dos prazos de consumo. Estes são os objetivos do primeiro supermercado GoodAfter (BomDepois) que só comercializa bens que se encontram perto da data de consumo preferencial, ou mesmo ultrapassada. 
 
Fonte ligada ao projeto explicou ao Boas Notícias que o GoodAfter estabelece um acordo direto com várias marcas que encaminham para este supermercado online os produtos que tem a mais em stock ou que recolheu dos supermercados tradicionais porque se encontrarem perto ou já fora da data preferencial de consumo.
 
A plataforma – que em breve vai também inaugurar no mercado espanhol – comercializa bens alimentares e não-alimentares que se encontram perto do fim da data de consumo preferencial, mas com a total garantia de segurança alimentar e podendo, por isso, ser comercializados a preços mais vantajosos.
 

Image and video hosting by TinyPic


Os produtos comercializados no website da GoodAfter.com vão desde bens alimentares, como enlatados e conservas, a produtos não alimentares como champôs, amaciadores, produtos de limpeza, entre outros. Os bens podem ser adquiridos com oportunidades de poupança até 70%, em comparação com os preços praticados nos tradicionais supermercados (online e offline). 
 
A espanhola Chantal de Gispert, co-fundadora da GoodAfter.com e que vive em Portugal há mais de 20 anos, salienta que “2016 foi declarado pela Assembleia da República como o ano do combate ao desperdício alimentar e todos os dias são desperdiçados milhares de produtos que poderiam ser consumidos, sem que a segurança alimentar seja posta em causa” pelo que a “GoodAfter.com quer ajudar a combater esse desperdício”. 
 
“Queremos despertar e consciencializar as pessoas para a necessidade de comportamentos de consumo ambientalmente mais responsáveis, que permitam uma redução do volume de resíduos alimentares e para tal nada como oferecer às pessoas, de forma imediata, a contrapartida por tal comportamento: reduções de preços até 70%”, reforça. 
 
“Best Before” mas “Good After”
 
Este projeto quer informar e consciencializar as pessoas para a diferença entre as etiquetas “consumir até”, que é uma data limite máxima colocada em alimentos perecíveis para assegurar a segurança alimentar, e a informação “consumir de preferência antes de” em inglês “Best Before”, que é uma data de consumo mínima e que nada tem a ver com segurança alimentar. Se um produto tem data de consumo “Best Before”, isso não significa que o mesmo não seja “Good After”.
 
A GoodAfter.com não comercializa produtos que se encontram fora do prazo de consumo, mas apenas produtos com data de consumo preferencial, a data até à qual as marcas asseguram a qualidade ótima do mesmo. 
 
A partir dessa data e uma vez que a segurança alimentar dos produtos não está em causa, os mesmos podem ser consumidos e comercializados de forma legal. A GoodAfter.com faculta ao consumidor o desconto e o ambiente agradece.

E para acrescentar mais uma boa notícia a esta novidade positiva, vale a pena salientar que as encomendas são entregues à porta de casa, no dia seguinte à encomenda, e que os portes de envio são grátis para compras acima dos 49 euros. 

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub