Saúde

SPP lança campanha para rastreios pulmonares

A Sociedade Portuguesa de Pneumonologia (SPP) vai promover de 14 a 17 novembro rastreios gratuitos em 14 capitais de distrito portuguesas. A campanha pretende sensibilizar para a prevenção das doenças respiratórias sob o lema "Todos queremos vencer n
Versão para impressão
A Sociedade Portuguesa de Pneumonologia (SPP) vai promover de 14 a 17 novembro rastreios gratuitos em 14 capitais de distrito portuguesas. A campanha pretende sensibilizar para a prevenção das doenças respiratórias sob o lema “Todos queremos vencer na vida. Respirar é a única forma de o conseguir”.

A Doença Pulmonar Obstrutiva Crónica (DPOC) é uma das visadas neste rastreio. A Organização Mundial de Saúde estima que a DPOC atinja mais de 200 milhões de pessoas em todo o mundo. Uma das principais causas é o tabaco.

Cerca de 20% dos fumadores podem vir a desenvolver a doença, segundo os especialistas, para quem o diagnóstico precoce é fundamental.

A DPOC é vulgarmente conhecida por bronquite crónica e resulta de uma obstrução das vias respiratórias. Instala-se progressivamente e os sintomas demoram a manifestar-se, pelo que quando o doente vai ao médico já está avançada,

A unidade móvel de saúde passará por Lisboa, Faro, Évora, Santarém, Leiria, Braga, Setúbal, Coimbra, Guarda, Viseu, Aveiro, Vila Real, Viana do Castelo e Porto.

O Presidente da SPP, Carlos Robalo Cordeiro, sublinha que o exame é particularmente aconselhado a pessoas com mais de 40 anos, fumadores e com profissões de risco inalatório.

A iniciativa começa a nível europeu, simultaneamente, em Lisboa e Madrid, com profissionais de saúde apoiados numa unidade móvel para realizar os exames e prestar aconselhamento.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório