Mundo

Solidariedade virtual muda a vida de um homem

Desde que, há uma década, o seu carro avariou, James Robertson começou a fazer, diariamente, a pé, cerca de 33 quilómetros para ir trabalhar. Agora, graças a uma enorme onda de solidariedade, tem um carro e uma vida nova.
Versão para impressão
Desde que, há uma década, o seu carro avariou, e sem dinheiro para o substituir, James Robertson, de 56 anos, começou a fazer, diariamente, a pé, cerca de 33 quilómetros para ir trabalhar. Agora, graças a uma enorme onda de solidariedade que envolveu milhares de desconhecidos, este norte-americano tem não só um carro, como uma vida nova.
 
A história de Robertson, um operário fabril da região de Detroit, no Michigan, EUA, foi dada a conhecer por um jornal local e rapidamente se tornou viral. A determinação do homem, que saía de casa às 08.00 da manhã para trabalhar no turno das 14.00h, impressionou os cibernautas de todo o mundo.
 
Ao deparar-se com uma reação maciça nas redes sociais, em especial na página do diário Detroit Free Press, onde centenas de pessoas perguntavam como podiam doar dinheiro para que o norte-americano conseguisse comprar um carro, um jovem estudante universitário decidiu intervir.
 
Sensibilizado com o caso e com esta reação, Evan Leedy, de 19 anos, criou uma página na plataforma “GoFundMe” para angariar fundos para oferecer a Robertson um novo automóvel e a resposta foi surpreendente.

Em menos de 24 horas, foram doados cerca de 149.000 dólares (131.000 euros) – um valor muito superior aos 25.000 dólares (22.000 euros) que, inicialmente, o jovem se propunha angariar.
 

O montante já permitiu a James Robertson comprar um carro novo e, por conta desta onda de solidariedade virtual, que foi encerrada este domingo e juntou um total de 351.000 dólares (cerca de 309.000 euros), vai poder não só chegar, todos os dias, à fábrica onde trabalha com rapidez e sem se cansar, como reconstruir a sua vida.
 
“Não há palavras para descrever o quão grato estou pela generosidade e apoio de todos e pelas vossas palavras gentis. As mais de 13.000 pessoas que doaram dinheiro e todos os que deixaram os seus comentários contribuíram muito para mudar a vida deste homem e estou eternamente agradecido”, afirma Evan Leedy na página do “GoFundMe”.
 
A semana passada, Evan Leedy e James Robertson, o homem que o jovem quis ajudar, tiveram a oportunidade de, finalmente, se conhecer pessoalmente, um momento emotivo para os dois. 
 
“Antes de o James ir para casa ao volante do seu carro novo, deu-me um grande abraço e disse: o que importa não é o dinheiro ou o carro, mas o facto de tantos estranhos como tu quererem ajudar um homem como eu, que estava apenas a fazer o que tinha de fazer”, partilha o jovem na plataforma de Crowdfunding.
 
“Claro que os meus olhos se encheram de lágrimas, mas naquele momento soube que o James continuava a ser o mesmo homem que era há uma semana atrás”, finaliza Leedy, que já descreve o operário fabril como “o seu novo melhor amigo”. 

Clique AQUI para aceder à página da plataforma “GoFundMe” destinada a ajudar James Robertson a conseguir um carro (em inglês).

Notícia sugerida por Maria Manuela Mendes e Maria Nova

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório