Mundo

Soldado regressa como Pai Natal para surpreender a mãe

Uma mãe norte-americana recebeu o "melhor presente de Natal de sempre" depois de o filho, Travis Ruggiero, mecânico do Exército atualmente a cumprir serviço militar no Afeganistão, ter regressado a casa sem aviso vestido de Pai Natal.
Versão para impressão
Uma mãe norte-americana recebeu o “melhor presente de Natal de sempre” depois de o filho, Travis Ruggiero, mecânico do Exército atualmente a cumprir serviço militar no Afeganistão, ter regressado a casa sem aviso nesta época especial para a surpreender no emprego… vestido de Pai Natal. 
 
Leslie Ruggiero, a progenitora, pensava que o filho teria de passar a quadra natalícia a milhares de quilómetros de distância da residência da família em Brick, New Jersey, mas o jovem de 29 anos pregou-lhe uma partida. 
 
Na véspera de Natal, Leslie e as colegas do centro médico onde trabalha receberam a notícia de que o velhinho de barbas brancas lhes faria uma visita para agradecer o facto de trabalharem naquele dia. O que a enfermeira não imaginava é que o Pai Natal, que, ao chegar, lhe entregou um envelope com uma carta do filho, era o próprio Travis. 
 
O momento foi registado em vídeo e tem sido divulgado pela imprensa norte-americana. Enquanto Leslie lia o postal (supostamente) vindo do Afeganistão, o Pai Natal, atrás de si, começou a despir “a farda”, revelando a sua verdadeira identidade e dando à mãe, já em lágrimas, a prenda mais desejada: um abraço apertado. 
 
“Tudo começou como um dia normal. Fui trabalhar e foi incrível como um pequeno acontecimento foi capaz de transformar a minha vida, o meu dia, para sempre. Ainda estou maravilhada com o facto de ele ter conseguido fazer isto”, confessou a mãe numa entrevista ao programa televisivo Today, da NBC. 
 
Leslie, que elegeu a surpresa do filho como “o melhor presente de Natal de sempre”, o gesto “significou tudo”. “Temos uma grande família, muito unida, e, como todas as outras famílias, está sempre a aumentar, mas este ano ia ser diferente para mim”, confessou. 
 
“É um tempo de alegria, mas também um tempo de reflexão acerca dos que têm menos sorte e dos soldados a servir no estrangeiro, em especial o meu filho. Eu estava sempre a dizer que não iria ser igual, porque ele tem estado longe de casa já há vários anos mas sempre conseguiu voltar para estar com a família no Natal”.
 
Este ano, contrariamente ao que a mãe previa, não foi exceção, mas a tarefa exigiu a Travis, além do aluguer de um fato de Pai Natal, muita perícia. O jovem regressou aos EUA no fim-de-semana anterior e ficou hospedado em casa de um primo. “É preciso ser bom a guardar segredos”, garantiu Travis, que terá agora 21 dias de férias.
 
Depois de surpreender Leslie, o soldado ainda arranjou tempo para cumprir as verdadeiras obrigações de Pai Natal. “Eu e um amigo juntámo-nos e enchemos cerca de 50 sacos com bolachas e doces e, depois do fim da festa [de Natal do centro médico], fizemos uma ronda pelo hospital e distribuimos tudo pelos pacientes e pelas equipas médicas”, revelou.

Veja abaixo o vídeo do reencontro entre mãe e filho.
 

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub