Inovação e Tecnologia

Software nacional ajuda a reduzir emissões de CO2

Dois investigadores portugueses desenvolveram um software que reduz o consume de energia eléctrica dos computadores. Se fosse aplicado à escala mundial evitaria a emissão de cinco milhões de toneladas de CO2, dióxido de carbono, na atmosfera por ano.
Versão para impressão
Dois investigadores portugueses desenvolveram um software que reduz o consume de energia eléctrica dos computadores. Se fosse aplicado à escala mundial evitaria a emissão de cinco milhões de toneladas de CO2, dióxido de carbono, na atmosfera por ano.

De acordo com a Lusa, os investigadores Carlos Reis e Jorge Pacheco apelidaram o sistema de SPIRIT que é dirigido em especial a “infra-estruturas de computação de média e grande escala”, nomeadamente empresas industriais que estão ao serviço de grandes companhias como a Google, a Microsoft ou o Facebook.

Nessas empresas, os computadores estão ligados entre si e as placas de rede possuem uma funcionalidade que permite aos aparelhos que estão num estado dormente”acordar” quando recebem pela rede o sinal apropriado, explicou Carlos Reis.

“O SPIRIT é um software que é executado no computador-mãe desta rede. A sua função é apenas decidir sobre o estado de vigília de todos os computadores. Se um computador está desligado e precisa de ser ligado então o SPIRIT envia pela rede o sinal apropriado e acorda-o. Por oposição se está ligado e não é preciso, o SPIRIT desliga-o”, especificou Carlos Reis.

Carlos Reis referiu como exemplo à Lusa, testes feitos durante um ano na Universidade de Lisboa com apenas 200 processadores e em que foi conseguida uma redução no consumo de electricidade equivalente a uma redução de emissões de cinco toneladas de CO2.  

A partir daqui os investigadores calcularam a poupança energética e ambiental possível a nível mundial com a utilização deste software.

[Notícia sugerida pelo utilizador Fernando Pereira]

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub