iliving&trends

Simplificar as tarefas domésticas: os novos equipamentos inteligentes

Ponto um: já não vivemos sem a tecnologia. Ponto dois: a nossa casa também não! A verdade é que já não basta ter um robô inteligente que cozinhe por nós, toda a nossa casa se rendeu às novas tecnologias e a rotina de tarefas domésticas, que antes podia demorar horas, pode agora demorar uns breves minutos.
Versão para impressão
Seguindo esta lógica, de que todos os produtos à nossa volta serão inteligentes e vão estar conectados, a tado° desenvolveu um controlo de climatização doméstico.

Sediada em Munique, na Alemanha, a empresa nasceu em 2011 e é atualmente líder do mercado europeu de soluções inteligentes de climatização doméstica.

Com o termóstato inteligente e o controlo inteligente de Ar Condicionado (AC), a tado° revoluciona a forma como a energia é consumida na sua habitação porque conecta qualquer sistema de aquecimento e AC à internet. A aplicação tado°, disponível para iOS, Android e Windows Phone, usa a geolocalização para detetar automaticamente quando já não está ninguém em casa, baixando assim o aquecimento ou o AC para poupar energia. No momento em que os moradores começam a regressar a casa, o sistema reage imediatamente e ou aquece ou arrefece a habitação para a temperatura previamente estabelecida.

Cada aparelho vem embalado com sensores que controlam a temperatura, humidade, luz, ruído e movimento. De acordo com Christian Deilmann, CEO e fundador da tado°, “nem todos os sensores estão a ser atualmente usados”, daí que a “beleza dos dispositivos conectados é que eles vão melhorar com cada atualização e todos os usuários existentes irão beneficiar da mesma forma que os novos clientes”.

O tado° conecta-se com cerca de 85% dos AC com controlo remoto, é compatível com diferentes unidades de AC (parede, janela ou portáteis) e é facilmente configurável. Liga-se ao seu ar condicionado via infravermelhos e liga-se à internet a partir do sistema wi-fi que tiver em casa, sem ligações e cabos adicionais.

Pode ser aplicado numa parede ou colocado sobre uma superfície e também pode ser integrado com outras soluções como o sistema IFTT – um serviço online que cria tarefas condicionais em vários aplicativos. IFTT é a sigla para “If This and This Then That”, que em português significa “Se isto e isto, então aquilo”. Ou seja, uma ação desempenhada no smartphone desencadeia outras que são ativadas automaticamente. E as possibilidades de criar condições com ele são imensas. Mas o tado° também se pode integrar com o Amazon Echo (a coluna de som que traz integrada a assistente virtual da Amazon, a “Alexa”) e o Apple HomeKit (que interage, através do Siri, com todos os dispositivos inteligentes da sua casa).

No ano passado, a tado° arrecadou mais de 20 milhões de euros numa nova ronda de financiamento. O novo financiamento, proveniente do investidor internacional INVEN CAPITAL, uma divisão de capital de risco do GRUPO CEZ, um conglomerado multinacional de energia baseado na República Checa, veio juntar-se aos restantes 30 milhões de euros que a empresa de Internet of Things (IoT) arrecadou globalmente. A nova ronda de financiamento obtida revelou-se essencial para escalar internacionalmente o negócio e colocou a empresa como uma das melhores start-ups do setor financiada em todo o mundo.

Tendo em conta que se prevê que o mercado europeu de termóstatos inteligentes aumente exponencialmente para os 2,5 mil milhões de euros até 2019 (de acordo com previsões da consultora Frost & Sullivan), Deilmann sublinha que “a nossa ambição é liderar este mercado com experiências de utilizador superiores, poupando dinheiro e maximizando o conforto. A tado° é parte integrante de qualquer casa inteligente. Através de interfaces para as principais plataformas de smart homes, os clientes existentes e futuros podem ter a certeza de que estão equipados para o futuro”.

Para aumentar ainda mais os benefícios para os clientes, a tado° está a desenvolver serviços em cooperação com instaladores de aquecimento. Estes podem vir a usar um portal de serviço remoto para ajudar a garantir que o sistema de aquecimento do cliente está a funcionar de forma suave e eficiente. As parcerias com os serviços locais também podem permitir que cada utilizador contribua para a estabilização da rede de energia para uma rede nacional mais inteligente e eficiente.

O kit de principiante tado° está à venda no site da empresa a partir dos 249€ e, além do termóstato inteligente, que pode ser controlado via smartphone ou manualmente, por touchscreen, o utilizador pode adquirir novos dispositivos para a sua habitação. Um termóstato adicional e uma válvula de radiador inteligente. Quer seja para aquecimento, quer para refrescar a atmosfera da casa – com o controlador de AC inteligente, a tado° refere que em 2015 os seus clientes pouparam, no seu conjunto, tanta energia como a que 52 turbinas eólicas podem produzir num ano. Efetivamente, não é apenas o controlo e conforto do lar que são alcançados com este aparelho, os utilizadores acabam por economizar até 31% nos seus custos habituais de energia.

Não só para poupar energia, mas sobretudo para poupar o ambiente, a Uzer é uma empresa francesa que lançou um caixote do lixo inteligente. Em homenagem a Eugène Poubelle, prefeito do Sena que no século XVIII decretou aos proprietários de imóveis que disponibilizassem contentores do lixo para os inquilinos, exigindo três recipientes – um para o vidro, outro para o papel e outro para o lixo orgânico – a Uzer criou o Eugène, o primeiro contentor do lixo de cozinha inteligente.

Clément e Paul, fundadores da empresa, defendem o poder da inovação sustentável, daí que o Eugène responda às necessidades de uma vida moderna e de um consumo responsável, combinando praticidade e tecnologia.

O sistema inclui um dispositivo de códigos de barras doméstico que torna a reciclagem numa rotina gratificante e conveniente. Para começar a usar, terá que descarregar a app gratuita – para iOS e Android, e digitalizar o código de barras da embalagem que for deitar para o lixo. O Eugène exibe a classificação correta do tipo de embalagem que pretende reciclar e indica em que contentor terá que a colocar. Ao fazer esta triagem, a aplicação indica qual o seu impacto ambiental através de indicadores simples e permite comparar o seu desempenho com a comunidade, ganhar pontos e vouchers de recompensa personalizados. Ao registar os produtos que mais consome na aplicação Eugène, terá igualmente acesso a informações nutricionais dos mesmos e a memorização do produto em falta numa lista que poderá reencaminhar diretamente para o carrinho de compras do seu supermercado online. Depois só tem que validar a encomenda e pedir que a mesma seja entregue em sua casa.

O digitalizador de códigos de barra tem um ecrã LCD de baixo consumo, com detetor de presença e uma bateria com duração de um ano. Já o caixote, de aço inoxidável, combina um design moderna e qualidade máxima. Tem pedal para abertura do contentor, a mudança de saco é fácil e higiénica, tendo dois compartimentos de 25 litros nos quais pode armazenar o lixo reciclável e não reciclável.

Paul, cofundador da Uzer, assume que o “objetivo era fazer um objeto elegante, que faz com que você o queira usar, quebrando com a imagem negativa de um caixote do lixo”. Clément, também cofundador, refere que o Eugène “reinventa a triagem em casa e transforma essa prática restritiva numa ação divertida e simples que fazemos em nosso benefício, assim como do planeta”.

A start-up, com sede em Paris, lançou uma campanha de pré-encomendas em maio do ano passado na plataforma francesa de crowdfunding KissKissBankBank. Atualmente, no site da empresa já poderá pedir o seu Eugène, pelo valor de 79 euros.

A Smarter, start-up londrina, também quer reinventar as nossas cozinhas com os seus aparelhos domésticos. Recentemente apresentou no CES 2017 a FridgeCam. Esta câmara sem fios permite aos utilizadores ver o conteúdo do seu frigorífico em qualquer lugar através da aplicação FridgeCam para iOS e Android. Com esta solução procura-se reduzir o desperdício de alimentos, uma vez que receberá lembretes sobre as datas de validade dos alimentos. À semelhança do Eugène, a FrigeCam adiciona os produtos que estão esgotados à sua lista de compras que se conecta com a sua conta de supermercado online. E se tiver sem ideias para o jantar, a aplicação dá-lhe igualmente sugestões de receitas com base naquilo que tiver no seu frigorífico.

A empresa apresentou na mesma ocasião as atualizações dos seus produtos – o Smarter iKettle de 3ª geração e a Smarter Coffee de 2ª geração. A chaleira iKettle permite definir a temperatura de aquecimento da água, consoante as suas necessidades. Depois, pode assinalar a localização da sua casa e quando chegar a casa vai ter a sua chaleira a ferver. Tem ainda o modo ‘Wake up’ – agende um alarme para alertar quando a chaleira deverá funcionar enquanto ainda estiver na cama. O equipamento tem ainda outros modos de utilização e um sensor de nível que lhe permite, através de aplicação própria, saber quanta água tem a chaleira e receber lembretes para a voltar a encher.

A máquina de café Smarter está ainda mais inteligente e com um design melhorado. Além dos modos de utilização semelhantes aos da chaleira, o utilizador pode também escolher a intensidade e quantidade de café que pretende e mantê-lo quente por mais de 40 minutos.

Ambos os eletrodomésticos são compatíveis com os sistemas Echo da Amazon, com o IFTT e o NEST.

A FridgeCam estará disponível no mercado durante a primavera deste ano e deverá custar cerca de 130 euros. O Smarter iKettle de 3ª geração já está à venda, também por 130 euros, enquanto o Smarter Coffee (2ª geração) sairá ainda neste mês por 240 euros.

// www.tado.com

// www.uzer.eu

// www.smarter.am

Comentários

comentários

Pub

Aid Global

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub