Ciência

‘Selfie’ de astronauta na Lua vendida por 8.500 euros

Desengane-se se pensa que as 'selfies' são coisa dos tempos atuais. Em 1966, Buzz Aldrin, na época astronauta da NASA, quis registar o momento em que pisou solo lunar, e para isso, tirou uma fotografia a si próprio, vulgarmente conhecida como 'selfie
Versão para impressão
Desengane-se se pensa que as 'selfies' são coisa dos tempos atuais. Em 1966, Buzz Aldrin, na época astronauta da NASA, quis registar o momento em que pisou a Lua e tirou uma fotografia a si próprio, ou seja, uma 'selfie'. Na semana passada, a imagem, com quase 50 anos, foi a leilão e foi vendida por 9.200 dólares (cerca de 8.500 euros).

Por mais 'selfies' que se partilhem nas redes sociais, será difícil bater a imagem obtida por este astronauta há quase 50 anos. A imagem, registada durante a missão Gemini 12, mostra a Terra como cenário e a cabeça de Aldrin num dos cantos da fotografia, criando um enquadramento muito semelhante ao que se utiliza nas 'selfies' atuais.

Várias publicações consideram que, o agora ex-astronauta, foi pioneiro e o 'rei' da arte das 'selfies', uma vez que Aldrin conseguiu 'prever' a moda das auto-fotografias.

Inicialmente, estava previsto que esta imagem fosse vendida pelo valor de 920 dólares (cerca de 855 euros), mas o entusiasmo gerado por aquela que já foi batizada a primeira 'selfie' do mundo foi tanto que a fotografia atingiu um valor 10 vezes superior, alcançando o preço de 9.200 dólares (cerca de 8.500 euros), durante um leilão que decorreu quinta-feira em Londres.

Em Julho de 2014, Buzz Aldrin, atualmente com 85 anos, referiu-se à imagem, na sua página no Twitter, como “a melhor selfie de sempre”.

A 'selfie' de Aldrin faz parte de uma vasta seleção de imagens inéditas obtidas no espaço durante as missões da NASA. Deste grupo fazem parte retratos de astronautas, fotografias dos primeiros passos no Espaço, entre outros.

Uma dessas imagens diz respeito à primeira fotografia tirada fora da Terra, datada de 1946, que foi leiloada por 2.150 dólares (perto de dois mil euros), um valor que ficou muito aquém daquele que foi pago pela imagem de Aldrin.

Buzz Aldrin é norte-americano e, para além da missão Gemini 12, fez também parte da tripulação da Apolo 11, juntamente com Michael Collins e Neil Armstrong, conhecido como o primeiro homem que pisou a Lua.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório