Espetáculos e Exposições

SeixalJazz Festival arranca esta semana

NULL
Versão para impressão
Arranca esta quarta-feira o Festival Internacional SeixalJazz, que vai levar muita música aos antigos refeitórios da corticeira Mundet, onde se localiza o SeixalJazz Clube. O festival decorre entre 19 e 29 de Outubro, numa versão mais reduzida que o habitual, mas que mantém a qualidade.

A abrir o festival vão estar as vozes de Choes Smith, ritmista dos These Arches que vão trazer “um jazz mutante, feito de súbitas inflexões de rumo e de explosões de energia”, garante a organização do evento. No dia 21 e 22 é a vez do trio Carlos Bica Azul subir ao palco.

Do dia 27 atuam os Paradoxal Frog, que vão mostrar temas inéditos gravados em Setembro. O trio composto é pela saxofonista alemã radicada em Nova Iorque, Ingrid Laubrock, Kris Davis, pianista que toca desde o mainstream moderno à vanguarda e Rainey, “um dos mais requisitados e completos percussionistas da atualidade”.

No dia 28 de Outubro o Hugo Carvalhais Quarteto traz o talento português ao SeixalJazz. “Aqui está uma proposta não estereotipada e de elevada qualidade que muito tem contribuído para o engrandecimento e a internacionalização do jazz pensado e tocado em Portugal”, diz a organização.

A encerrar o festival vão estar os L.U.M.E. – Lisbon Underground Music Ensemble – um projeto de Marco Barroso que assume referências desde o funk à música textural. “O grupo procura aliar a música escrita e a complexidade dos arranjos à improvisação, criando uma sonoridade esteticamente eclética e de confronto de estruturas e idiomas diversos”.

O responsável pela programação do festival explicou à Lusa que, apesar da versão reduzida, esta edição do “SeixalJazz mantém a qualidade que o projeto vem conquistando”.

A vereadora da Câmara do Seixal para a Cultura, Vanessa Silva, explicou à Lusa que “o formato mais reduzido da edição deste ano do festival decorre dos constrangimentos financeiros que o país e a autarquia vivem”. No entanto, destacou que a parte gratuita do festival se mantém.

A autarca destacou que “o desejo da câmara é, no futuro, retomar um modelo semelhante ao do ano passado, com mais espetáculos, com mais palcos, com mais iniciativas paralelas”.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório