Cultura Em Destaque

Salvador Sobral continua a surpreender a Europa e o Mundo

©Andres Putting/Eurovisão
Só nas redes sociais estima-se que participação do jovem artista no concurso tenha gerado mais de 450 mil publicações
Versão para impressão
por redação

O representante português no Festival Eurovisão da Canção 2017 garantiu esta semana um lugar no final da competição e conquistou os órgãos de comunicação social internacionais.

De acordo com um estudo da Cision, em apenas três dias ,os que passaram desde a sua atuação na primeira semifinal do concurso, na terça-feira, até quinta-feira, data da segunda semifinal, o cantor de “Amar pelos dois” foi citado em 1.641 notícias em todo o mundo. Isto contabilizando apenas os meios online e excluindo os artigos publicados em Portugal.

Foi na Alemanha que Salvador Sobral teve direito a mais referências nas notícias: 382, quase o dobro da Espanha, o segundo país onde Salvador foi mais falado. Apesar de a maior parte das menções nos sites germânicos ter sido uma genérica alusão à sua passagem à final, houve alguns meios que aprofundaram a sua análise, descrevendo “Amar pelos dois” como “uma íntima balada, cheia de sentimento”, que se tornou ainda “mais melancólica e sensual” na voz do português.

Foi, contudo, de Espanha que chegaram os maiores elogios à prestação do irmão de Luísa Sobral (que compôs o tema). Nas 192 notícias veiculadas no país vizinho, “nuestros hermanos” destacaram que o concorrente luso conseguiu “silenciar as 11 mil pessoas” presentes no Centro Internacional de Exposições de Kiev durante a sua atuação, tendo sido depois “um dos mais aplaudidos” da noite. A saúde de Salvador Sobral – o artista sofre de um problema de coração e está à espera de um transplante – também foi abordada pelos espanhóis.

A Suécia, cujo concorrente é considerado um dos principais candidatos à vitória final (ainda que o favorito nas casas de apostas e na sondagem feita no site oficial da Eurovisão seja o italiano Francesco Gabbani), foi o terceiro país com mais referências ao concorrente português, 162. Os meios do país nórdico elogiaram a atitude do português, que “encantou” todos pelo facto de ter usado uma camisola com a mensagem “S.O.S. Refugees” na conferência de imprensa e por ter aproveitado os seus minutos de fama para mostrar “compaixão” para com os refugiados que chegam à Europa. O gesto do cantor foi também notícia em países como França, Espanha, Alemanha, Austrália ou Estados Unidos.

Curiosamente, dois dos países que mais eco fizeram da participação portuguesa na Eurovisão não são europeus. Trata-se dos Estados Unidos, com 131 notícias, e da Austrália, com 62 (este último país participa na competição). Os norte-americanos destacaram a “afinação perfeita” e simplicidade da prestação do português, num concurso que é “mais conhecido pelos trajes extravagantes do que pelos dotes vocais” dos concorrentes. Já os australianos frisaram que Salvador Sobral é um dos maiores candidatos à vitória na final.

O objeto de análise deste estudo realizado pela Cision – empresa líder global em serviços e software de pesquisa, monitorização e análise de media – foram todas as notícias com referência a Salvador Sobral, nos mais de 120 mil meios de informação online de 190 países monitorizados regularmente pela Cision, num total de aproximadamente seis milhões de artigos, pesquisados entre os dias 9 e 11 de maio de 2017.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Pub

Aid Global

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub