Cultura

Restos mortais de Caravaggio expostos em Itália

Os ossos do mestre renascentista Caravaggio estão em exposição ao público pela primeira vez na Toscânia, em Itália, onde morreu em 1610 com 39 anos há 400 anos atrás. Os restos mortais do pintor foram identificados este ano depois das investigações p
Versão para impressão
[Imagem: © Copyright ANSA]

Os ossos do mestre renascentista Caravaggio estão em exposição ao público pela primeira vez na Toscânia, em Itália, onde morreu em 1610 com 39 anos há 400 anos atrás. Os restos mortais do pintor foram identificados este ano depois das investigações para confirmar a sua autenticidade.

Os ossos foram identificados com recurso à identificação por DNA e carbono 14. Chegaram este fim de semana a Porto Ercole, presumível cidade natal do pintor, transportados numa urna de cristal. Aí ficarão à mostra do público no Forte Stella juntamente com uma exposição fotográfica sobre as fases de pesquisa que levaram os cientistas a encontrar e identificar os ossos do pintor, grande mestre do uso do claro-escuro.

As autoridades locais organizaram uma cerimónia “para dar um fim digno” a Michelangelo Merisi da Caravaggio, cujo realismo revolucionou a história da arte.

 “Estou feliz pela volta dele (Caravaggio) e por dar o tratamento que merecia”, afirma à AFP Silvano Vinceti, presidente do Comité Nacional para a Valorização dos Bens Históricos, Culturais e Ambientais.

Depois de mais de um ano a testar os ossos encontrados numa igreja de Porto Ercole, os cientistas anunciaram em junho que têm 85% certeza de que são os restos mortais de Caravaggio.

Biólogos, historiadores e antropólogos de quatro universidades uniram-se nesta investigação onde examinaram os restos de cerca de 200 pessoas. No fim, o material do número 5 foi o atribuído ao pintor, já que pertence a um homem que morreu na faixa dos 40 anos por volta de 1610, o que coincide com os registos sobre Cara.

Já se sabia que Caravaggio sofria de saturnismo, intoxicação por chumbo, e os testes encontraram grande presença desse mesmo elemento.

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório