Gastronomia

Receitas da Io: Strudel

Esta semana proponho um doce muito conhecido mas um pouco laborioso. Diz-se que se fizer um bom «soufflé», passou na prova de licenciatura para uma boa doceira; o «strudel» também não é para menos!!! É tudo uma questão de prática e o importante é

Versão para impressão
Esta semana proponho um doce muito conhecido mas um pouco laborioso. Diz-se que se fizer um bom «soufflé», passou na prova de licenciatura para uma boa doceira; o «strudel» também não é para menos!!! É tudo uma questão de prática e o importante é não desistir! É mais um daqueles desafios que vale a pena experimentar!

Para 8/10 pessoas

Image and video hosting by TinyPic
Para a massa:

-300 de farinha
-100g de manteiga derretida
-1 pitada de sal
-1dl de água morna
-4 colheres de sopa de azeite



Para o recheio:

-1kg de maçãs
-70g de manteiga
-50g de pão ralado
-100g de açúcar
-50g de passas
-50g de pinhões ou amêndoas em palitos
-casca ralada de 1 limão
-1 pitada de canela

Dispor em cratera a farinha em cima da mesa de trabalho. Colocar no centro o azeite e a água morna salgada. Primeiro com um garfo e depois com as mãos, juntar toda a farinha. Trabalhar a massa entre 15 a 20 minutos, até ficar completamente lisa, homogénea e elástica. Este processo é muito importante para obter um bom resultado final! Dar à massa um formato de bola.

Pincelar um prato com azeite e colocar a massa. Pincelar também a massa e cobrir com uma tigela de vidro passada por água quente e enxuta.  Com um pano cobrir a tigela. Deixar descansar durante pelo menos 30 minutos. A temperatura de descanso deverá ser de 25ºc. Na tradição tirolesa, esta massa fica a descansar em azeite durante a noite toda. 

Enquanto a massa descansa preparamos o recheio. Descascar as maçãs. Cortá-las aos pedaços não muito grandes. Salteá-las em manteiga e açúcar. Não devem ficar desfeitas. Passar as maçãs para um prato grande para arrefecerem. Juntar o pão ralado, as passas amolecidas, os pinhões, a casca ralada de limão e a canela. Misturar delicadamente.

Colocar um pano de cozinha em cima da mesa, de preferência aos quadrados para permitir ver a transparência da massa e ao mesmo tempo poder cortar certo. Polvilhar com farinha a parte de cima da massa. Virá-la ao contrário e colocá-la em cima de um pano. Com o papel de cozinha tirar o excesso de azeite.

Com paciência, delicadeza e perícia, começar a puxá-la com a ponta dos dedos e com as costas das mãos, do centro para as bordas. Quando se virem bem os quadrados do pano, está pronta! Deixar secar, mas não totalmente. Com uma faca, retirar o cordão que ficou na extremidade.

Pincelar a massa com manteiga derretida. Recortar um rectângulo com 40cm de largura e o dobro do comprimento. Colocar em cima desta massa que sobrou. Distribuir o recheio pela parte inferior da massa, tendo o cuidado de deixar os bordos sem nada para poder virá-los em cima do recheio.

Com a ajuda do próprio pano, enrolar o strudel. Com jeito, deixar deslizar em cima da placa do forno untada com manteiga. Pincelar o strudel com manteiga. Cozer em forno pré-aquecido a 200º durante 15 minutos. A massa deve ficar loira e estaladiça.

O ideal é servir o strudel ainda quente, polvilhado com açúcar baunilhado. Pode acompanhar com umas colheradas de zabaione ou chantilly.

“A cozinha é uma arte que só atinge a perfeição quando protege a saúde” [Io Appolloni]

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório