Gastronomia

Receita da Io: Omhali

Foi por causa da Maximina de um restaurante no Bairro Alto que conheci este doce de origem marroquina. Quando eu e a minha filha Rossana saíamos do teatro, acabávamos a noite no Bairro Alto a comer "Omhali". Ou muito me engano ou devo ser a única pes
Versão para impressão
Foi por causa da Maximina de um restaurante no Bairro Alto que conheci
este doce de origem marroquina. Quando eu e a minha filha Rossana
saíamos do teatro, acabávamos a noite no Bairro Alto a comer “Omhali”.
Ou muito me engano ou devo ser a única pessoa em Portugal a fazer esta
sobremesa.

Tradicionalmente é comida quente, portanto deve ser aquecido antes de
ser servido. No entanto posso garantir que frio também é óptimo!

Image and video hosting by TinyPicPara 15 pessoas:

Para a massa:

– 250g de farinha
– 1dl de água morna com sal

Para o recheio:

– 360g de amêndoas laminadas, nozes, pinhões e avelãs picadas
– 240g de passas sem grainhas
– 300g de açúcar
– 1lt de natas
– 4dl de leite
– 2 colheres de café de canela

Misturar a farinha com a água e o sal em cima da mesa de trabalho. A massa terá de ser trabalhada durante uns 15 minutos até ficar lisa, sedosa e fofa. Tapá-la com uma tigela aquecida em água quente e com um pano por cima. Deixá-la descansar 30 minutos.

Colocar uma toalha em cima de uma mesa. Polvilhar com farinha.

Polvilhar a massa com um véu de farinha e começar a estendê-la com calma e jeitinho; com a ponta dos dedos ir puxando até ficar transparente. Deixar secar completamente.

Retirar a massa aos pedaços e ir pondo num tabuleiro de ir ao forno. Levá-la a cozer a 180º durante 10 minutos para ficar loura.

Cobrir o fundo de um tacho de barro redondo ou rectangular com pedaços de massa.

Entretanto, as passas já foram demolhadas e espremidas, juntando-se aos outros frutos secos. Cobrir a primeira camada de massa com estes frutos; pôr outra camada de massa e mais frutos secos; mais massa e o resto dos frutos.

Regar tudo com as natas, o leite e o açúcar a ferver. Polvilhar com canela e pôr no forno pré-aquecido a 175º durante 15 minutos.

Servir em tigelinhas de barro individuais. Se ficar um pouco seco, pode juntar mais um pouco de leite quente.

“A cozinha é uma arte que só atinge a perfeição quando protege a saúde” [Io Appolloni]

Consulte o site da Appolloni Doçaria Artesanal em http://www.appolloni.pt

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório