Educação Em Destaque

Promover a inclusão com uma ferramenta pedagógica

Foi no âmbito da conferência final do projeto Play4Change que a Juventude Cruz Vermelha Portuguesa apresentou, no dia 11 de janeiro, uma ferramenta pedagógica para a reinserção e inclusão social de jovens vulneráveis: o EuropAlien.
Versão para impressão
por redação

Este é um jogo de estratégia, implementado ao longo de dez sessões, tendo por base as oito prioridades da Estratégia da União Europeia para a Juventude: Educação; Emprego; Criatividade e Empreendedorismo; Saúde e Desporto; Participação; Inclusão Social; Voluntariado; e Juventude no Mundo.

Tiago Costa, coordenador do projeto da Juventude Cruz Vermelha, acredita que “os resultados decorrentes da implementação da ferramenta educativa criada no âmbito do projeto Play4Change, são uma clara evidência do impacto positivo que as metodologias de educação não-formal podem alcançar na intervenção com jovens vulneráveis, tendo por objetivo último a sua reinserção e inclusão social”.

A conferência final do projeto Play4Chance representa o culminar de um projeto que se desenvolve desde setembro de 2015 nos Centros Educativos da Direção Geral de Reinserção e Serviços Prisionais, com o objectivo de criar uma ferramenta pedagógica para a intervenção junto de jovens vulneráveis.

Este projeto contou com a parceria do Instituto Português do Desporto e Juventude, da Direção Geral da Reinserção e Serviços Prisionais e do programa Revive+ da Cruz Vermelha Portuguesa, e com o envolvimento da Haus den offen Tur (Alemanha) e Studio Progetto (Itália), organizações internacionais que também desenvolvem o seu trabalho com jovens vulneráveis.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório