Sociedade

Projeto português leva cães a lares de idosos

Uma iniciativa da Câmara de Póvoa de Lanhoso une idosos e cães numa experiência estimulante para os dois grupos. O objetivo do programa é proporcionar experiências agradáveis, diferentes e estimulantes aos idosos institucionalizados.
Versão para impressão
Na Póvoa de Lanhoso uma iniciativa original está a unir cidadãos seniores a amigos de quatro patas, com o objetivo de humanizar a experiência de idosos institucionalizados e, também, de sensibilizar a população para o problema do abandono animal.
 
Titulado AAA (Atividade Assistida por Animais em Lares de Idosos), o projeto surge numa parceira entre a Câmara Municipal e o CAPA (Clube de Adoção e Proteção de Animais).

A primeira sessão teve lugar no Lar de S. José da Santa Casa da Misericórdia e incluiu atividades como o “Passeio com melhor amigo do Homem”, a “Dança com cães” e a “Hora do Mimo”. 

Os “cães terapeutas” utilizados nas sessões pertencem ao CAPA e foram resgatados das ruas. Integraram o programa AAA depois de submetidos a um treino básico e acompanhamento veterinário.
 
Atendendo ao sucesso da primeira sessão, o próximo objetivo é alargar a iniciativa a outras instituições similares no concelho.
 
Para além de proporcionar momentos estimulantes à população idosa, o projeto pretende também sensibilizar a sociedade para a fragilidade dos idosos institucionalizados e para a causa animal, nomeadamente para o abandono de animais de estimação.
 


De acordo com a DGAV (Direção Geral de Alimentação e Veterinária), os canis portugueses abatem todos os dias 33 cães e gatos, num total de 12 mil por ano. Estes números são contestados pelas associações de defesa dos animais e pelo PAN (Pessoas-Animais-Natureza) que alegam outra realidade: 100 mil animais mortos por ano, cerca de 274 por dia.
 

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório