Em Destaque Sociedade

Praias de Castro Marim equipadas para situações de emergência médica

Estas mais-valias, permitem aos nadadores-salvadores uma atuação pronta e adequada a situações de emergência.
Versão para impressão
por redação

Há dois anos, numa iniciativa pioneira no país, a Câmara Municipal de Castro Marim procedeu à instalação de desfibrilhadores automáticos externos (DAE) nas três praias do concelho – Alagoa/Altura, Praia Verde e Praia do Cabeço. Este ano, além dos DAE, foram também entregues macas (planos duros) aos nadadores-salvadores responsáveis pelas diferentes concessões, que permitem a imobilização e contenção das vítimas durante o transporte.

Durante a época balnear, estas mais-valias, permitem aos nadadores-salvadores uma atuação pronta e adequada a situações de emergência médica, para a qual tiveram também a devida formação técnica. De referir que a utilização do DAE é o único tratamento eficaz na paragem cardíaca em casos de fibrilação ventricular, causa da maior parte dos episódios de morte súbita. A utilização dos dispositivos, em ambiente extra-hospitalar, por pessoal não médico, melhora significativamente a sobrevida do paciente.

“Castro Marim congratula-se com o facto de contribuir para a segurança dos seus munícipes e de todos os que visitam as praias do concelho. A formação e equipamentos adequados diminui o risco de incidentes graves e aumenta a segurança de todos”, sublinhou o vereador da Câmara Municipal de Castro Marim, Nuno Pereira. O presidente da autarquia e também médico, Francisco Amaral, acrescenta que “a morte por paragem cardíaca nas praias é muito mais frequente do que por afogamento, para onde tem sido canalizada a atenção deste país ao longo dos anos”.

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub