Ambiente

Portugueses vão apagar a luz pelo planeta

Mais de vinte localidades portuguesas vão participar na terceira edição da "Hora do Planeta", um apagão mundial promovido pela associação ambientalista WWF como ação de sensibilização para a questão do aquecimento global.
Versão para impressão
Mais de vinte localidades portuguesas vão participar na terceira edição da “Hora do Planeta”, um apagão mundial promovido pela associação ambientalista WWF como ação de sensibilização para a questão do aquecimento global.

A iniciativa, agendada para o dia 26 de março, entre as 20h30 e as 21h30, visa incentivar os cidadãos a desligarem as luzes e adotarem comportamentos diários sustentáveis, assinalando o seu compromisso com o planeta, explica a WWF, citada pela agência Lusa.

Faro e Esposende são algumas das localidades que aderiram à “Hora do Planeta”. Obras e monumentos portugueses como a Ponte 25 de Abril, Teatro D. Maria II, Aqueduto das Águas Livres, estações de comboios do Rossio e Santa Apolónia, Cristo-Rei, Lajes do Pico (Açores) ou Forte de Santa Catarina ficarão também às escuras, a par de milhares de outras construções de todo o mundo.

Na sua página na Internet, a WWF refere que a “Hora do Planeta” obteve a maior participação voluntária de sempre em 2010, atingido um recorde de 128 países e territórios, dos quais 24 cidades e duas vilas portuguesas.

“Edifícios e monumentos icónicos de todo o mundo (da Ásia ao Pacífico, passando pela Europa e África e ainda América) ficaram às escuras para iluminar esta ideia. Pessoas de todo o mundo e de todas as esferas da vida social desligaram em uníssono as luzes e uniram-se nesta celebração e contemplação da única coisa que temos em comum: o Planeta Terra”, lê-se no site.

[Notícia sugerida pela utilizadora Raquel Baêta]

Comentários

comentários

Pub

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub