Mundo

Portugueses doaram 4.000 livros a crianças carenciadas

Durante os 19 dias em que decorreu a Feira do Livro de Lisboa, os portugueses doaram quase 4.000 livros ao Banco dos Bens Doados (ENTRAJUDA) que já seguiram para crianças de várias instituições.
Versão para impressão
Durante os 19 dias em que decorreu a Feira do Livro de Lisboa, os portugueses doaram quase 4.000 livros ao Banco dos Bens Doados (ENTRAJUDA) que já seguiram para crianças de várias instituições.
 
Sob o mote ‘Dê Nova Vida ao Livro – Porque todos os livros merecem um final feliz!’ a Campanha decorreu durante toda a Feira e contou com um pavilhão onde os visitantes eram convidados a colocar um ou mais livros nas estantes. 
 
Estes livros foram agora entregues a crianças das instituições que fazem parte da rede do Banco de Bens Doados. O ano passado foram angariados cerca de 3.000 livros e, este ano, a ação chegou quase aos 4.000.
 
“A APEL, na tentativa contínua de criar o hábito de leitura em todas as gerações, apoia esta iniciativa que tanto valor permite gerar e é muito gratificante saber que os visitantes acreditam neste projeto e na importância de partilhar com as gerações do futuro, as histórias que nos fizeram felizes”, sublinha Bruno Pacheco, Secretário-Geral da APEL, num comunicado enviado ao Boas Notícias.
 

Comentários

comentários

Etiquetas

Pub

Aid Global

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub