Desporto

Portugal já tem um Museu Nacional do Desporto

Portugal já tem um Museu Nacional do Desporto. O espaço situa-se no Palácio Foz, em Lisboa, e permite aos visitantes, que têm direito a entrada grátis até ao final do ano, conhecer um vasto espólio de artigos desportivos e uma ampla biblioteca.
Versão para impressão
Portugal já tem um Museu Nacional do Desporto. O espaço situa-se no Palácio Foz, em Lisboa, e permite aos visitantes, que têm direito a entrada grátis até ao final do ano, conhecer um vasto espólio de artigos desportivos de várias modalidades ou consultar os milhares de livros sobre desporto disponíveis na biblioteca, a “grande jóia” da nova instituição museológica.
 
A inauguração decorreu no dia 12 de Julho e insere-se “numa nova estratégia de preservação e qualificação do património desportivo” adotada pelo atual Governo. De acordo com os governantes, o Museu Nacional do Desporto vai garantir “a salvaguarda e difusão” daquele património, facilitando, ao mesmo tempo, o acesso à informação e ao conhecimento sobre a realidade desportiva.
 
Entre os itens expostos no Museu sobressai a Herança Olímpica Portuguesa, nomeadamente artigos exclusivos da participação lusa nos Jogos, cartazes das Olimpíadas ao longo da história, medalhas dos atletas portugueses, equipamentos, fatos oficiais e até réplicas de Tochas Olímpicas, acesas antes da abertura do evento. 

Do ciclismo ao futebol e ao alpinismo
 

Noutras salas, os curiosos podem também ver ao vivo a bota de ouro conquistada por Eusébio em 1965 – e doada pelo ex-jogador na cerimónia de inauguração -, bem como as luvas usadas pelo guarda-redes Ricardo no Euro 2004, uma camisola de Joaquim Agostinho, ícone do ciclismo português, ou, por exemplo, algumas das peças utilizadas pelo alpinista João Garcia durante as subidas aos 14 pontos mais altos do planeta.
 
Além do seu rico espólio – que conta com peças que já pertenciam ao Instituto Português do Desporto e Juventude e outras que foram emprestadas ou oferecidas por grandes figuras do desporto nacional -, o Museu Nacional do Desporto destaca-se pela sua ampla biblioteca dedicada exclusivamente a esta temática.
 
À data da inauguração, a Biblioteca do Desporto contava já com um acervo de aproximadamente 60.000 itens registados, desde monografias, publicações periódicas, vídeos, DVDs, suportes áudio e outros. 
 
Entre as obras disponíveis está o histórico “De Arte Gymnastica”, de Hieronymi Mercurialis, datado de 1577, considerado o primeiro livro de desporto editado no mundo, e várias monografias acerca de Medicina Desportiva, o que reforça a cooperação com universidades e estudiosos.
 
Os trabalhos de instalação do Museu tiveram início em Setembro do ano passado e foram concluídos em Julho de 2012 sob coordenação do gabinete do Secretário de Estado do Desporto e Juventude. Até ao final do ano a entrada é gratuita para todos os visitantes.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório