Ambiente

População do priôlo açoriano recuperou

A União Mundial de Conservação (UICN) anunciou que vai retirar o priôlo, uma espécie de ave encontrada nos Açores, da lista das espécies Criticamente em Perigo de Extinção. Desce uma categoria e passa a estar apenas em perigo, conforme noticia o jorn
Versão para impressão
A União Mundial de Conservação (UICN) anunciou que vai retirar o priôlo, uma espécie de ave encontrada nos Açores, da lista das espécies Criticamente em Perigo de Extinção. Desce uma categoria e passa a estar “apenas” em perigo, conforme noticia o jornal PÚBLICO.

Hoje estima-se que a população do priôlo se centre entre os 500 e os 800 casais, enquanto que no início deste século a população mundial desta espécie estava reduzida a um grupo de 120 a 140 exemplares.

A ave com cerca de 16 centímetros de comprimento e 30 gramas de peso estava a desaparecer devido à falta de alimento causada pelo recuo da floresta e da proliferação de espécies exóticas.

A boa notícia não se deve ao acaso mas sim ao esforço da SPEA no âmbito do projeto europeu LIFE “Recuperação do Habitat do Priolo na Zona de Protecção Especial (ZPE) Pico da Vara/Ribeira do Guilherme”. Graças a este projeto conseguiram recuperar 230 hectares de floresta nativa e controlar a vegetação exótica e plantarem espécies autóctones.

“A próxima meta é conseguir recuperar 350 hectares de habitat e chegar aos mil casais”, prometeu Luís Costa, da SPEA.

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório