Sociedade

Ponte de Lima: Escolas recuperadas para habitação

A Câmara de Ponte de Lima, no distrito de Viana do Castelo, planeia converter 15 das 40 escolas primárias atualmente encerradas no concelho em casas de habitação social. O presidente da autarquia, Vítor Mendes, espera que cada antigo estabelecimento
Versão para impressão
A Câmara de Ponte de Lima, no distrito de Viana do Castelo, planeia converter 15 das 40 escolas primárias atualmente encerradas no concelho em casas de habitação social. O presidente da autarquia, Vítor Mendes, espera que cada antigo estabelecimento de ensino dê lugar a dois ou quatro apartamentos T2, consoante a dimensão dos imóveis.

No total, das 75 escolas do primeiro ciclo que existiam no concelho apenas restam 35. Das que se encontram fechadas, muitas já se encontram a servir novas funções, essencialmente como unidades de alojamento turístico e sedes de associações locais, adianta o Jornal de Notícias.

“A recuperação das escolas de S. Lourenço do Mato e Sandiães corresponde a uma política do município de construir habitação social onde é necessário e distribuí-la por todo o concelho”, declarou Vítor Mendes.

“Temos um conjunto de escolas do primeiro ciclo que foram encerradas no âmbito do reordenamento escolar e em função de um levantamento das necessidades da habitação social, entendeu-se que uma das formas de rentabilizar esses espaços que são municipais era readaptá-los para habitação social”, acrescentou o autarca, em declarações ao JN.

[Notícia sugerida pela utilizadora Raquel Baêta]

Comentários

comentários

Etiquetas

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório