Negócios e Empreendorismo

Peugeot já integrou 300 novos trabalhadores

O terceiro turno da fábrica da PSA Peugeot Citroen de Mangualde arrancou, esta segunda-feira em pleno, com 300 novos trabalhadores, depois de três dias de teste, avançou o porta-voz da comissão de trabalhadores.
Versão para impressão
O terceiro turno da fábrica da PSA Peugeot Citroen de Mangualde arrancou, esta segunda-feira em pleno, com 300 novos trabalhadores, depois de três dias de teste, avançou o porta-voz da comissão de trabalhadores.

De acordo com Jorge Abreu, citado pela agência Lusa, “a atividade oficial e em pleno dos 300 trabalhadores do terceiro turno está prevista para as 23:00” de hoje.

“Nos dias 22, 23 e 24 de Abril foi feita a introdução progressiva dos trabalhadores, com três dias a funcionarem em modo de teste”, explicou.
Este arranque acontece depois de três dias de teste, segundo o porta-voz da comissão de trabalhadores, Jorge Abreu, em declarações à agência Lusa.

Em Fevereiro, a fábrica da PSA Peugeot Citroen de Mangualde anunciou o reforço da produção para 285 veículos por dia, criando 300 novos postos de trabalho para responder ao aumento das encomendas.

Na ocasião, a PSA de Mangualde avançou que a terceira equipa com 300 novos postos de trabalho diretos irá trabalhar “no mínimo até ao fim do corrente ano, de forma a responder à previsão das encomendas”.

A criação destes 300 novos postos de trabalho diretos, faz com que a PSA passe a empregar 1150 colaboradores.

Comentários

comentários

Etiquetas

Pub

Aid Global

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório

Pub