Sociedade

Petição quer acabar com extras na factura da luz

A Associação Portuguesa de Defesa do Consumidor (DECO) lança esta quinta-feira uma petição para acabar com os extras que correspondem a 42% do total da factura da eletricidade.

Versão para impressão
A Associação Portuguesa de Defesa do Consumidor (DECO) lança esta quinta-feira uma petição para acabar com os extras que correspondem a 42% do total da factura da eletricidade.

De acordo com este organismo, apenas 58% da fatura corresponde à energia gasta, os restantes 42% são custos de interesse geral e que pesam cada vez no total da factura.

“Em Espanha já se fez isso e estão a acabar os custos de interesse geral”, explicou à TSF o secretário-geral da DECO, Jorge Morgado, frisando que esta medida é essencial num “momento dramático” para as famílias portuguesas.

Os custos de interesse geral, como “apoios às energias renováveis, rendas para os municípios, rendas dos terrenos das REN e garantias de potência”, representam “milhões de euros pagos pelos consumidores”, explica o mesmo responsável.

A DECO espera assim chamar a atenção da Assembleia da República para que se reavalie estes valores e para que alguns destes custos de interesse geral diminuam, acabem ou sejam reavaliados.

Saiba mais aqui.

Comentários

comentários

BN TV

O Boas Notícias está de volta!

Live Facebook

Correio do Leitor

Subscreva a nossa Newsletter!

Receba notícias atualizadas no seu email!
* obrigatório